<
>

Lukaku ignora pedido de técnico, avisa United que quer sair e não treina com o time

Romelu Lukaku reafirmou seu desejo de deixar o Manchester United na próxima temporada, mesmo após o técnico Solskjaer conversar com o atacante para convencê-lo de continuar no time e lutar por seu espaço na equipe titular, segundo Rob Dawson, correspondente do time na ESPN FC.

O treinador do time inglês teria afirmado que o belga está em seus planos para a próxima temporada em uma tentativa de colocar um ponto final em mais um dos rumores envolvendo o time no Mercado da Bola, mas o jogador continua determinado a seguir para a Inter de Milão e jogar sob o comando de Antonio Conte.

Lukaku teme que tenha ficado para trás de Rashford na corrida para ser a referência do ataque do time, mas o United não está procurando vender o atacante de 26 anos, por isso não aceitaria menos do que 80 milhões de libras (R$ 377 milhões) para "permitir" que o jogador negocie sua saída.

Segundo fontes da ESPN FC, qualquer proposta que inclua jogadores por empréstimo ou trocas, será negada pela diretoria inglesa.

No treino desta quinta-feira, dia 11, Lukaku e Martial não foram ao campo com os outros jogadores e realizaram um treinamento alternativo na academia, trabalhando nas bicicletas.

O camisa 9 belga chegou ao United em 2017 por 75 milhões de libras (R$ 317 milhões na época) após uma ótima passagem pelo Everton, e marcou 42 gols em 96 jogos pela equipe de Manchester.

Sobre os assuntos internos, o treinador norueguês afirmou que as negociações são 'coisas da imprensa', já Juan Mata revelou que no primeiro dia da pré-temporada Solskjaer convocou uma reunião com todos os jogadores para lembrá-los sobre a responsabilidade de vestir a camisa do Manchester United.

"O treinador e a comissão falaram sobre o que eles esperam de nós, o que esperam dos jogadores do United e eu acredito que foi a coisa certa a fazer. Todos devemos saber o que representamos, devemos saber o nível que as pessoas esperam de nós e acho que foi um bom modo de começar o primeiro dia", afirmou o meia espanhol.