<
>

Juventus assina por quatro anos com Ramsey, meia do Arsenal

Diz uma lenda do futebol que toda vez que Aaron Ramsey marca em favor do Arsenal, alguma pessoa famosa morre em sequência. Pois a tal "maldição" vai mudar de país. isso porque a TV italiana Rai garante que o meia assinou um pré-contrato com a Juventus e passará a defender a atual heptacampeã italiana a partir da próxima temporada.

"Aarom Ramsey vai assinar um contrato de quatro anos com a Juventus, até 2023, com a opção de renovação por mais um ano. Ele ganhará 8 milhões de euros por ano", informou o jornalista Ciro Venerato, que trabalha na Rai.

Aos 28 anos, Ramsey, que está no Arsenal há 10 anos, tem apenas mais seis meses de contrato com o clube inglês e como já pode assinar um novo vínculo com outro clube, desembarcará em Turim no meio de 2019, ao final da atual temporada.

O meia, apesar de ser bom jogador, ganhou grande fama no mundo do futebol por causa de sua fama de "azarado". Isso porque, desde 2011, se formou uma teoria de que toda vez que ele marca algum gol, alguma pessoa famosa morre. Foi assim com Osama Bin Laden, que perdeu a vida apenas um dia após ele marcar contra o Manchester United.

Cinco meses depois, Steve Jobs morreu na mesma semana em que Ramsey fez um golaço contra o Tottenham. Desde então, a imprensa inglesa entrou em fervor e começou a prestar atenção. Em 2012, foi a vez da cantora Whitney Houston. Em 2013, do ator Paul Walker. Em 2014, do também ator Robin Williams. Todos morreram dias (ou horas) após um gol de Ramsey.

Em 2016, a maldição ganhou força em janeiro, quando os astros ingleses David Bowie e Alan Rickman (o Snape dos filmes de Harry Potter) se foram pouco depois do jogador marcar.