<
>

Juninho Paulista diz qual foi o pior momento da carreira e manda recado reto e direto a 'vilão': 'Aquele filho d***'

Campeão do mundo em 2002, Juninho Paulista relembrou jogada que causou 'pior momento de sua carreira' e brincou com vilão


Um dos grandes nomes de sua geração, Juninho Paulista teve momentos marcantes em sua carreira, principalmente com as camisas do Middlesbrough, time que é ídolo, e Vasco, onde marcou gol histórico.

Mas, nem somente de bons momentos viveu o atacante. Em 1998, quando atuava no Atlético de Madrid, o lateral Michel Salgado deu entrada dura no tornozelo do brasileiro em partida contra o Celta de Vigo, o que o deixou de fora da Copa do Mundo de 1998.

Em entrevista ao podcast Denilson Show, o agora coordenador de seleções da CBF relembrou o fato, brincou sobre mandar recado para Salgado e elegeu esse como o pior momento de sua carreira.

“Fiquei dois anos em Madri, no Atlético, tive aquela lesão (no tornozelo) entrada do Michel Salgado, amigo do Roberto (Carlos). Manda um abraço pra ele lá (aquele filho da p***)”, disse brincando.

“Foi (o pior momento). Depois da Copa de 2002, eu tive aquela lesão no joelho cruzado, mas foi (a lesão no tornozelo). Eu era titular da seleção, a gente tinha feito aquela Copa das Confederações dos carecas (em 1997)”, completou.

Depois, Juninho conseguiu retornar aos gramados e, em 2002, fez parte do grupo campeão da Copa com a seleção brasileira. Ao todo, atuou em 50 partidas com a Amarelinha e marcou quatro gols. No Mundial, foi titular nos cinco primeiros jogos e entrou no fim da final.