<
>

Premier League: Em última rodada de tirar o fôlego, Liverpool chega a 'tocar' a taça, mas Manchester City busca virada histórica e é campeão

Campeão, Manchester City terminou campanha na Premier League com 93 pontos, contra 92 do Liverpool


O Manchester City é o grande campeão da Premier League! E foi com muita, mas MUITA emoção!

Neste domingo (22), o time de Josep Guardiola saiu perdendo por 2 a 0 para o Aston Villa e viu o rival Liverpool, que jogava no mesmo horário contra o Wolverhampton, chegar a se animar e quase "tocar" a taça.

No entanto, os Citizens buscaram uma incrível reação, viraram para 3 a 2 e ratificaram a conquista, que acabou vindo com apenas 1 pontinho de vantagem sobre os Reds.

Gündogan e Rodri foram os grandes heróis do time de Manchester, enquanto Cash e Philippe Coutinho fizeram os gols do Villa.

Essa é a vez que o City conquista a Premier League em sua história. Foi também o título da liga nas últimas cinco temporadas.

Em Anfield, o Liverpool saiu atrás logo no início, com gol de Pedro Neto, mas venceu com bolas na rede de Mané, Salah e Robertson.

A torcida dos Reds chegou a se animar bastante no 2º tempo, quando o City ia perdendo por 2 a 0, mas acabou lamentando o vice no final das contas.

Melhores momentos: Manchester City 3 x 2 Aston Villa

Melhores momentos: Liverpool 3 x 1 Wolverhampton

Situação do campeonato

Com o resultado, o Manchester City termina a campanha com 93 pontos e é o grande campeão da Premier League 2021/22.

Já o Liverpool ficou logo atrás, com 92 pontos, mas lamenta o vice-campeonato inglês.

Foi bem: Gündogan

O que o meio-campista alemão fez neste domingo (22) foi simplesmente incrível.

Ele entrou no 2º tempo no lugar de Bernardo Silva, com o City perdendo por 2 a 0, e simplesmente mudou tudo.

Mostrando muita raça, ele apareceu no 2º pau para anotar o gol que iniciou a reação dos Citizens.

Após Rodri empatar, coube a Gündogan fazer o histórico tento da virada - e do título da equipe de Manchester.

Como um centroavante, o alemão surgiu bem na pequena área para empurrar para dentro e escrever seu nome na história.

Foi mal: Defesa do Aston Villa

O Aston Villa até fez uma boa parte até certo momento do 2º tempo neste domingo.

Aproveitando o nervosismo do City, o time visitante abriu 2 a 0 e parecia que pregaria uma peça no adversário.

No entanto, a zaga dos Lions teve um verdadeiro "apagão" de cinco minutos e levou três gols do City.

O meltdown da defesa do Villa acabou sendo essencial para os Citizens conquistarem o título.

Próximos jogos

O Liverpool volta a campo no próximo sábado (28), na final da Champions League, contra o Real Madrid, às 16h (de Brasília).

Já o Manchester City entra em férias e só volta a atuar na pré-temporada, em 20 de julho, contra o América do México.


Ficha técnica

Manchester City 3 x 2 Aston Villa

GOLS: Manchester City: Gündogan [76' e 81'] e Rodri [79'] Aston Villa: Cash [37'] e Philippe Coutinho [69']

MANCHESTER CITY: Ederson; Stones, Fernandinho (Zinchenko), Laporte e Cancelo; Rodri, Bernardo Silva (Gündogan) e De Bruyne; Mahrez (Sterling), Foden e Gabriel Jesus Técnico: Josep Guardiola

ASTON VILLA: Olsen; Cash, Chambers, Mings e Digne; Douglas Luiz, McGinn e Ramsey (Ings); Buendía (Ashley Young), Philippe Coutinho (Nakamba) e Watkins Técnico: Steven Gerrard


Ficha técnica

Liverpool 3 x 1 Wolverhampton

GOLS: Liverpool: Mané [24'], Salah [84'] e Robertson [89'] Wolverhampton: Pedro Neto [3']

LIVERPOOL: Alisson; Alexander-Arnold, Matip, Konaté e Robertson; Henderson, Keita (Roberto Firmino) e Thiago Alcântara (Milner); Luis Díaz, Diogo Jota (Salah) e Mané Técnico: Jürgen Klopp

WOLVERHAMPTON: José Sá (Ruddy); Boly, Coady e Toti Gomes; Jonny, Dendoncker (Trincão), Rúben Neves, João Moutinho e Ait-Nouri; Pedro Neto (Hwang Hee-chan) e Raúl Jiménez Técnico: Bruno Lage