<
>

Fórmula 1: Verstappen faz história, ultrapassa Hamilton na última volta em Abu Dhabi e conquista título inédito

play
Fórmula 1: Verstappen supera Hamilton e é o grande campeão! Renan do Couto analisa temporada do holandês (4:28)

Um dos melhores campeonatos da história da Fórmula 1 terminou neste domingo (12) (4:28)

Na maior decisão da história, Verstappen conseguiu retomar a liderança na última volta, ultrapassou Hamilton e conquistou o título mundial


Quem esperava emoção na decisão do título mundial de Fórmula 1, conseguiu. Em corrida histórica, Max Verstappen ultrapassou Lewis Hamilton na última volta, venceu o GP de Abu Dhabi e faturou o título inédito.

Começou! Até meia-noite de domingo (12) tem Star+ Acesso Livre. Muito esporte AO VIVO, séries e filmes. Acesse agora e aproveite de graça toda a programação.

Como estava a briga

Lewis Hamilton e Max Verstappen chegaram para a última corrida do ano empatados na briga pelo título de 2021 da Fórmula 1 com 369,5 pontos cada.

Mais emoção que isso, impossível. E a matemática para saber quem seria o campeão do Mundial era simples: quem chegasse na frente iria levantar o troféu.

Porém, o holandês tinha uma mínima vantagem contra o britânico. Se ambos não terminassem a corrida ou ficassem fora da zona de pontuação, o piloto da Red Bull seria o novo campeão da F1.

Isso porque Verstappen poussía 9 vitórias no ano contra 8 de Hamilton, o que é o critério de desempate em caso de igualdade ao fim do campeonato.

Largada espetacular de Lewis Hamilton

O holandês, que buscava o primeiro título mundial, largou na pole position. No entanto, durou pouco a liderança. Isso porque, logo na largada, Hamilton deu bote espetacular e já ultrapassou o adversário.

Em seguida, o primeiro toque entre os dois. Verstappen tentou dar o troco no britânico e retomar a dianteira. No entanto, tocou o adversário, que saiu da pista, mas conseguiu retornar e ficar em primeiro.

Os comissários entenderam que o incidente na primeira volta não teria de ser investigado. Ficou decidido que Lewis só saiu do traçado porque foi empurrado por Verstappen.

GP de despedida

Além da disputa insana pelo título, o grande prêmio de Abu Dhabi também marcou a despedida de Kimi Räikkönen, último piloto nascido nos anos de 1970.

O 'homem de gelo' foi homenageado pela Alfa Romeo, que escreveu no carro do finlandês: "Querido Kimi, nós te deixaremos sozinho agora", em tom de brincadeira.

Valtteri Bottas fez a última corrida pela Mercedes antes de rumar para a Alfa Romeo.

Ida aos boxes e disputa insana pela liderança

Na volta 14, Verstappen foi aos boxes. O holandês iniciou a corrida com pneus macios e sofreu com o desgaste. Uma volta depois, foi a vez de Hamilton colocar pneus duros e ver Sergio Perez tomar a pole. Foi aí que começou uma grande disputa.

Tentando retomar a ponta, o britânico partiu para cima do piloto da RBR. Na volta de número 20, começou uma batalha entre os dois pela liderança. A disputa ajudou Verstappen, que conseguiu tirar a diferença de tempo e colar em Hamilton.

Na volta 29, metade do GP, Hamilton tinha 3s855 de vantagem para Verstappen e 26s088 para Bottas, o terceiro colocado.

Acidente muda história da prova

Na 53ª volta, emoção em Abu Dhabi. Nicholas Latifi bateu no setor 3 e obrigou o Safety Car a entrar na pista. Com isso, Verstappen conseguiu tirar a vantagem de Hamilton faltando seis voltas para o fim.

Verstappen faz história na última volta

Na última volta, Verstappen deu o troco em Hamilton. O holandês, na última curva, conseguiu ultrapassar o inglês, fez história em Abu Dhabi e conquistou o título inédito.