<
>

Bicampeonato de Ayrton Senna na Fórmula 1 completa 30 anos

Há 30 anos, em 21 de outubro de 1990, Ayrton Senna conquistava o bicampeonato da Fórmula 1 pela McLaren. Após o título de 1988 e o vice-campeonato de 1989, o brasileiro derrotou seu grande rival Alain Prost para ficar com a primeira colocação geral.

Senna venceu seis dos 16 Grandes Prêmios da temporada, em Estados Unidos, Mônaco, Canadá, Alemanha, Bélgica e Itália. Foram 11 pódios e 78 pontos somados, batendo os 73 de Prost.

Ver essa foto no Instagram

🇧🇷Há exatos 30 anos, Ayrton Senna conquistou o bicampeonato mundial de F1 após um acidente com Alain Prost na primeira curva do GP do Japão de 1990, em um dos capítulos mais polêmicos da rivalidade entre o brasileiro e o francês. ⠀ 🇬🇧Exactly 30 years ago, Ayrton Senna was crowned two-time world champion after an accident with Alain Prost on the first corner of the 1990 Japanese GP, in one of the most controversial chapters of the rivalry between the Brazilian and the French. ⠀ #SennaSempre #F1

Uma publicação compartilhada por Ayrton Senna (@oficialayrtonsenna) em

A confirmação do título veio no penúltimo GP do calendário, o Grande Prêmio do Japão em Suzuka. Em um dos momentos mais emblemáticos da Fórmula 1, Senna e Prost se envolveram em acidente na primeira curva do circuito e ficaram de fora do restante da prova. Sem pontuação do francês, o piloto da McLaren foi declarado campeão matematicamente.

Senna ainda conquistaria o tricampeonato pela McLaren, em 1991, conquistando sete GP’s e figurando em 12 pódios. O piloto morreu em 1994, em acidente no Grande Prêmio de San Marino, em Ímola.