<
>

CBLOL | 'Ainda tenho vontade de participar do mundial de novo', diz brTT

play
"Me mostrou que escolhi o caminho certo", fala Cariok sobre título no primeiro split de 2021 (5:31)

O jogador também fala sobre começo ruim e preparação para a grande final (5:31)

brTT comenta sobre pausa na carreira, lições que aprendeu em 2021 e CBLOL com torcida


A temporada 2021 do competitivo de League of Legends brasileiro foi encerrada oficialmente com o término do Prêmio CBLoL. O ponto alto do evento da Riot Games, foi o anúncio da pausa de Felipe “brTT”, no competitivo. brTT afirmou que não será uma aposentadoria, e sim uma pausa do primeiro split de 2022.

“A minha intenção é que seja até o segundo split. Tenho essa gana, essa vontade de representar o Brasil e ir para o Mundial, competir no Mundial, é um evento que acho sensacional, já participei e sei qual é a magnitude. Eu ainda tenho vontade de participar do Mundial de novo”, revelou o atirador em coletiva. “Vamos deixar passar esses primeiro meses para falar melhor sobre datas, mas meus planos é que seja no segundo split", completou.

O atirador também revelou que sua decisão também veio da importância de cuidar da sua saúde mental, sendo perguntado do seu maior aprendizado durante o segundo split da temporada 2021.

“Meu maior aprendizado é 'cuide da sua saúde mental'. Acho que a lição que vou tirar desses dois últimos anos é que muitos atletas, de muitas modalidades, devem passar por isso de esquecer da própria vida e focar absolutamente só no trabalho, no esforço, no resultado, e quando vai olhar para trás, para si mesmo, se olha no espelho está faltando alguma coisa, você não está se sentindo tão bem. O título pode ter vindo, mas você chega num ponto da sua vida que isso vai te pegar, você vai sentir, é isso que tirei dos últimos dois anos, estar sempre tomando cuidado para não chegar onde eu cheguei”, explicou brTT.

Com a volta dos jogos sendo disputados no estúdio e a presença da torcida nos jogos, brTT afirmou que vai continuar com a paiN Gaming e vai acompanhar a equipe nos jogos.

“Com certeza fez eu pensar um pouco, mas eu acho que, como falei, chegou o momento de pensar um pouco em mim, cuidar um pouco de mim, até eu chegar e ver que eu recuperei o brilho no olhar que eu tinha de competir. Aquela emoção, aquela coisa, que possa transmitir para todo mundo assistindo, meus fãs. Foi isso que me fez grande como sou hoje. Com certeza, com CBLOL voltando pro estúdio, com torcida, eu tenho intenção de ficar indo pro estúdio, acompanhar o time, ver como as coisas estão, talvez a vontade de voltar a jogar seja até mais rápida. Vamos ver como vai ser”, afirmou brTT.

Com quase 10 anos de carreira, brTT venceu seis edições do CBLOL, e deixou para a paiN Gaming a missão de encontrar um atirador para ser seu substituto durante a temporada 2022.