<
>

LoL: BrTT e paiN estão em conversas adiantadas; clube nega

BrTT durante o Prêmio CBLoL 2019. Riot Games

BrTT está bem perto de encontrar uma nova casa — ou melhor, um antigo time. Conforme apuração do ESPN Esports Brasil, o atirador está em conversas adiantatas para assinar um contrato com a paiN, a equipe com a qual o atirador ganhou os holofotes no início de sua carreira e que, caso assine, será seu lar para defender na próxima temporada do Campeonato Brasileiro de League of Legends.

Caso a negociação seja acertada, esta seria a terceira vez que brTT jogaria pela paiN, tendo passado pela organização entre abril de 2012 e fevereiro de 2014, e depois entre janeiro de 2015 e novembro de 2016. Com a paiN, o jogador venceu o campeonato brasileiro em 2013 (antes do torneio se chamar CBLoL) e a segunda etapa do CBLoL de 2015, quando disputou o Mundial.

Nesta quarta-feira (20), brTT revelou que não vai renovar seu contrato com o Flamengo Esports por não confiar no novo projeto do clube após mudanças da administração. O atirador também afirmou que está aberto a propostas — inclusive de times estrangeiros —, mas que pode não aceitar nenhuma.

Também segundo apuração do ESPN Esports Brasil, o jogador teria levantado o interesse da Team Liquid, para a equipe academy da organização norte-americana, e da Red Canids, time que defendeu na temporada de 2017 e com quem foi campeão do CBLoL.

Em comunicado para a ESPN, a paiN afirmou que “temos certeza que o brTT seria um ótimo reforço para qualquer equipe que fizer parte, mas no momento não há nenhuma negociação em curso envolvendo o jogador e a paiN”.

Em processo de reformulação nesta janela de transferência, a paiN perdeu o topo Ayel para a Red Canids.

O ESPN Esports Brasil também apurou que o time colocou o atirador Matsukaze e o suporte Esa à venda. A paiN também foi questionada sobre essa movimentação, o clube preferiu não fazer comentários quanto ao caso.