<
>

Resumo: Corinthians conquista Mundial de Free Fire e a primeira semana da Superliga de LoL

Corinthians levanta a taça de campeão do Mundial de Free Fire. Garena

Chegamos e passamos da metade de novembro com muitas emoções no mundo dos esportes eletrônicos.

Do Mundial de Free Fire no Rio de Janeiro ao começo da Superliga e o primeiro major de Dota 2, confira o resultado das competições disputadas entre 11 e 17 de novembro.

COUNTER-STRIKE

O Brasil fez duas participações internacionais no competitivo de Counter-Strike nos últimos dias. A primeira foi com a INTZ na DreamHack Atlanta, que caiu ainda na fase de grupos. A equipe até começou bem, vencendo o Virtus.pro, mas depois perdeu dois confrontos seguidos, contra Cr4zy e o próprio Virtus.pro

A segunda participação brasileira foi com a Furia na repescagem da divisão norte-americana do ESL Pro League. No Grupo B, o time venceu a Isurus por 2 a 0 no sábado (16) e no domingo (17) foi surpreendido pelo eUnited, perdendo por 2 a 0. Os Panteras ainda jogam nesta segunda (18) contra a 100Thieves.

O returno do Brasileirão do Clutch se aproxima do fim. Na semana que passou foi disputada a penúltima rodada, que começou com Vivo Keyd e W7M empatando. No jogo seguinte, Isurus e Red Canids Kalunga também ficaram no 1 a 1, enquanto Keyd voltou a campo pra bater Isurus por 2 a 0.

Classificação
paiN - 15 pontos - 4 vitórias, 3 empates e 2 derrotas
Red - 13 pontos - 3 vitórias, 4 empates e 2 derrotas
Keyd - 12 pontos - 3 vitórias, 3 empates e 3 derrotas
Isurus - 12 pontos - 3 vitórias, 3 empates e 4 derrotas
Detona - 10 pontos - 3 vitórias, 1 empate e 4 derrotas
W7M - 10 pontos - 2 vitórias, 4 empates e 3 derrotas

O Campeonato Brasileiro de Counter-Strike (CBCS) continua firme e forte. Nesta semana tivemos quatro confrontos válidos pela Rodada 4. Imperial abriu as disputas vencendo Redemption por 16 a 2, enquanto Reapers também derrotu Uppercut, mas por 16 a 11. Ainda sonhando com a classificação para o mata-mata, SkullZ derrotou INTZ Academy por 16 a 14 e Evidence bateu Black Dragons por 16 a 4.

Classificação
Evidence - 18 pontos - 6 vitórias e 1 derrota
Imperial - 18 pontos - 6 vitórias e 1 derrota
Reapers - 13 pontos - 4 vitórias, 1 empate e 2 derrotas
INTZ.A - 12 pontos - 4 vitórias e 3 derrotas
Redemption - 12 pontos - 4 vitórias e 3 derrotas
SkullZ - 10 pontos - 3 vitórias, 1 empate e 3 derrotas
Uppercut - nenhuma vitória e 7 derrotas
Black Dragons - nenhuma vitória e 7 derrotas

DOTA 2

O Major de Chengdu, o primeiro major do Dota Pro Circuit começou no último final de semana. A competição reúne 16 equipes na cidade chinesa na disputa por uma fatia da premiação de US$ 1 milhão e 15 mil pontos de classificação.

O final de semana teve a disputa da fase de grupos, que serviu apenas para definir o chaveamento das equipes no mata-mata de dupla eliminação, com chave superior e inferior.

Passaram para a chave superior as equipes TNC Predator e Fighting Pandas (Grupo A), Vici Gaming e Alliance (Grupo B), Team Liquid e Evil Geniuses (Grupo C), e Invictus Gaming e J.Storm (Grupo D).

Do outro lado, EHOME e Team Unknown (Grupo A), Fnatic e Team Spirit (Grupo B), Team Aster e Team Adroit (Grupo C) e Beastcoast e Gambit (Grupo D) avançaram ao mata-mata na repescagem.

O Major de Chengdu continua nesta semana, com a grande final marcada para 24 de novembro.

ESPORTS AWARDS

O final de semana também contou com a realização da quarta edição do Esports Awards, o “Oscar dos esports”. No evento, o Brasil fez bonito com a vitória de Sexycake como Jogada do Ano, e com o terceiro lugar de Nyvi Estephan e Alanzoka nas categorias de Apresentador e Streamer do Ano, respectivamente.

Veja aqui os vencedores de todas as categorias do Esports Awards 2019.

FREE FIRE

O Corinthians foi o grande campeão da segunda etapa do Mundial de Free Fire. O torneio foi realizado no Rio de Janeiro, capital, no último sábado (16) e viu o Timão fazer uma campanha histórica com direito a virada no final. A equipe já havia vencido a terceira etapa da Pro League brasileira na última semana.

A equipe brasileira conquistou os dois últimos Booyahs para terminar com uma pontuação de 2.300 pontos. Na sequência, viram os russos da Sbornaya com 2.190 pontos e a tailandesa Illuminate, com 2.020 pontos. Segunda brasileira na competição, a LOUD terminou em 9º lugar, com apenas 790 pontos.

LEAGUE OF LEGENDS

O Mundial acabou, assim como a temporada competitiva oficial da Riot Games, mas ainda tem Lolzinho rolando em outros torneios. No Brasil, a última semana viu o início da Superliga ABCDE 2019, com novo formato de dupla eliminação e 12 equipes participantes.

Na primeira semana, foram disputadas as séries da primeira rodada que valiam vaga ou para a segunda rodada, ou para a repescagem.

A Falkol começou com vitória em cima da Kabum por 2 a 1, mas perdeu para a INTZ no domingo pelo mesmo placar. Do outro lado, a Progaming venceu a Bulldozer por 2 a 0 e o Santos pelo mesmo placar.

Ainda na primeira rodada, a Uppercut derrotou a Team oNe por 2 a 0 e avançou para enfrentar a paiN na próxima rodada, assim como a Redemption que venceu a Operation Kino por W.O. e enfrentará a Vivo Keyd.

PUBG

A Red Canids continuou sua campanha no Mundial de PUBG, que está sendo disputado na cidade de Arlington, nos Estados Unidos. O time brasileiro garantiu sua permanência no torneio depois de ficar entre os oito melhores na etapa de repescagem, em 10 e 11 de novembro.

Nesta semana, a Red entrou nas semifinais do evento principal pelo Grupo C. A equipe até conseguiu realizar boas quedas durante o "mata-mata", mas não obteve a pontuação necessária para avançar para a final do campeonato, terminando em 18º lugar com 53 pontos.

STREET FIGHTER V

Aconteceu neste final de semana a grande final regional da América do Norte da Capcom Pro Tour, que definiu vaga direta da região para a Capcom Cup. O grande vencedor foi Hot Dog, que venceu NuckleDu na decisão por 3 a 1.