<
>

Ranger não deve renovar com KaBuM e desperta interesse de times do CBLoL e do Circuitão

Ranger não deverá continuar na KaBuM na próxima temporada Riot Games

Há dois anos defendendo a KaBuM no League of Legends, Ranger não deverá continuar vestindo a camisa da equipe na próxima temporada. Com contrato próximo de expirar, a tendência é que o caçador não renove com a organização para 2020, conforme apurou o ESPN Esports Brasil.

As informações obtidas pela reportagem apontam que o bicampeão brasileiro interessa tanto participantes do CBLoL, como também do Circuito Desafiante. Ao todo, quatro equipes já procuraram a KaBuM a fim de saber o status de Ranger. São elas: Uppercut, Falkol, Redemption e Team oNe.

O banco de contratos disponibilizado pela Riot Games mostra que o vínculo de Ranger com a KaBuM se encerra no dia 18 deste mês. O caçador vem atuando pela equipe desde novembro de 2017 e, na última temporada, conquistou as duas etapas do CBLoL, assim como também disputou o Mid-Season Invitational e o Campeonato Mundial daquele ano.

O ESPN Esports Brasil entrou em contato com todos os clubes citados na reportagem. Por meio da assessoria de imprensa, a KaBuM esclareceu que "qualquer posicionamento acerca de alterações em sua line-up, envolvendo a contratação ou saída de jogadores do time, será oficialmente informado mediante conclusão do processo contratual, respeitando as normas anti-poaching da Riot e legislação vigente. Reforçamos ainda que, informações divulgadas pela imprensa, que contradigam às compartilhadas pela organização, devem ser interpretadas como especulação".

À reportagem, o diretor geral da Uppercut, Erick Cardoso, afirmou que o clube não fala "sobre especulação de mercado e só nos pronunciamos em casos de transferências quando os contratos são assinados", enquanto o diretor de esports da Falkol, Diego Hamao, informou que "houve uma sondagem por nossa parte, porém as negociações não prosseguiram" e o gerente da Redemption, Icaro Odilon, disse que "estamos, sim, buscando nos reforçar pro ano que vem e o Ranger está na lista de jogadores que estamos conversando atualmente. Estamos em processo inicial de conversa com os jogadores que estamos cogitando, nada além de estudando com calma nosso próximo passo".

O manager da Team One, Bruno Rodrigues, afirmou à reportagem que buscou sim contato com o atual time de Ranger visando sua possível contratação, mas que o assunto "não foi para frente". Ele disse ainda que, na etapa de pré-planejamento, busca criar "diversas e possíveis oportunidades de trabalho para discussão interna" na Team One.

A possibilidade de Ranger não continuar na KaBuM na próxima temporada, assim como também os interesses de Uppercut, Redemption, Falkol e Team oNe em contratar o jogador também foram noticiados pelo Baserush.

COMO ESTÁ A KABUM ATUALMENTE

A formação que levou a KaBuM ao terceiro lugar da segunda etapa do CBLoL 2019 já sofreu uma baixa. O topo sul-coreano Wizer decidiu que quer seguir a carreira no próprio país e retornou para o Sandbox, clube o qual emprestou o jogador a organização brasileira. Quem também deixou a equipe, por motivo parecido, foi o treinador coreano Hiro.

Em contrapartida, a organização revelou recentemente o investimento numa equipe secundária, chamada de KaBuM Academy, a qual disputará a Superliga 2019 e é composta por Yupps (Top), Vasto (Caçador), Tutsz (Meio), Disave (Atirador) e ProDelta (Suporte).