<
>

Kayla Harrison diz por que não acredita que Cris Cyborg queira enfrentá-la

Cris 'Cyborg' e Kayla Harrison Jayne Kamin-Oncea/Getty Images | Harry How/Getty Images

Na última sexta-feira (24), em Washington (EUA), Kayla Harrison reapareceu na PFL após um ano parada, venceu Aspen Ladd por decisão unânime e aproveitou para desafiar Cris ‘Cyborg’ novamente. No entanto, a americana não se mostra otimista de que uma das lutas mais aguardadas e importantes da história do MMA feminino vá, de fato, sair do papel.

Ao participar do programa ‘DC & RC’ na ESPN, a estrela da PFL reforçou o interesse em medir forças com a lenda do MMA, mas questionou a vontade da veterana em enfrentá-la. Vale pontuar que as atletas são rivais de longa data, constantemente se estranham e, hoje, um possível combate entre elas é uma opção real, já que ambas integram a mesma casa após a ‘Professional Fighters League’ comprar o Bellator. Justamente por isso, Kayla frisou que a postura de ‘Cyborg’ já mudou, na tentativa de evitar ao máximo a realização de tal duelo.

“Ela só fala m*** quando estamos em organizações diferentes e há algum lugar para se esconder. Agora que estamos sob o mesmo teto, sinto que ela vai ficar quieta bem rápido. Eu nem quero falar sobre ela. Já conversamos sobre essa luta desde antes da minha estreia no MMA. Tenho 17 lutas agora. Então, se isso vai acontecer, vai acontecer em breve, mas não tenho muita fé nela. Luta fácil”, declarou a estrela da PFL.

Estrela da PFL, Kayla Harrison, de 33 anos, é uma das melhores lutadoras do MMA atual. No esporte, a americana, oriunda do judô, possui um cartel composto por 16 vitórias, sendo 12 pela via rápida, e um revés. Além de ser bicampeã olímpica na modalidade, a atleta também conquistou o GP do peso-leve (70 kg) da ‘Professional Fighters League’ nas temporadas 2019 e 2021. Seus principais triunfos foram sobre Aspen Ladd, Larissa Pacheco (duas vezes) e Marina Mokhnatkina.