<
>

UFC 267: Petr Yan detona Sterling e diz que rival fugiu como um 'covarde sorrateiro' de revanche pelo cinturão

play
UFC: Volkanovski 'sobrevive' a 3 finalizações, 'amassa' Ortega e mantém cinturão em luta completamente insana; VEJA (0:43)

Volkanovski e Ortega fizeram uma das lutas mais incríveis do ano e, talvez, da história do UFC (0:43)

Não demorou muito para Petr Yan soltar duras palavras após a confirmação da baixa de Aljamain Sterling em sua primeira defesa de cinturão do peso-galo (61 kg), em revanche diante do russo marcada para o dia 30 de outubro, no UFC 267. Ainda sem saber se vai permanecer no evento e em possível disputa de um título interino contra outro adversário, o ex-campeão da categoria disparou contra seu rival.

Em um vídeo postado e traduzido pela agência de notícias ‘RT Sports’, Petr Yan acusou Sterling de fugir novamente de um combate e relembrou o primeiro duelo entre eles, realizado em março deste ano, quando foi desclassificado ao desferir uma joelhada ilegal no americano. Além disso, o russo se colocou pronto para permanecer no show em Abu Dhabi (EAU) e deu um recado ao Ultimate.

“Todos vocês sabem o que aconteceu com a minha luta. Todos vocês sabem que ‘Aljo’ simplesmente fugiu como um covarde sorrateiro. Não vou sentar e esperar por ele. Vou lutar no dia 30 de outubro em Abu Dhabi e gostaria de falar com o UFC. UFC, me dê qualquer lutador. Top cinco, top sete, top 10, qualquer um que mereça lutar pelo cinturão, e eu farei o trabalho. Vou mostrar aqui quem realmente é campeão”, afirmou.

O UFC ainda não se manifestou sobre o que pretende fazer com Yan no UFC 267. Pela importância do evento e por não saber a previsão da volta de Sterling, que não revelou o motivo que o tirou da luta, existe a oportunidade da criação de um cinturão interino. De olho nessa chance, Cory Sandhagen já iniciou uma campanha para ser o rival do russo.

No MMA profissional desde 2014, Petr Yan acumula 15 vitórias e apenas duas derrotas na modalidade. No Ultimate, o russo soma sete triunfos e um único revés, este para Sterling. Seu momento de destaque na maior liga de MMA do mundo aconteceu em julho de 2020, quando nocauteou José Aldo e sagrou-se campeão dos galos.