<
>

Marreta faz convite, e Jones se surpreende; veja como foi a conversa dos dois após a luta

A acirrada disputa de cinturão entre Jon Jones e Thiago Marreta acabou em uma cena marcante. O brasileiro abriu os braços, chamou o norte-americano e o abraçou. Eles conversaram por alguns longos segundos. Mas, afinal, qual o conteúdo do papo?

O ESPN.com.br perguntou aos dois exatamente o que eles falaram.

Marreta, que não fala um inglês perfeito, disse que agradeceu a oportunidade de terem se enfrentado e por terem feito uma grande guerra. Para terminar, convidou Jones para tomar um açaí quando o campeão fosse ao Brasil.

O norte-americano se alongou um pouco mais para falar sobre o momento.

“Ele me deu um baita abraço quando a luta terminou e pediu desculpas pelo que tinha dito de mim antes da luta. Eu não estava esperando isso. Ele disse que, quando eu for para o Rio, ele vai me levar para dar uma volta. Eu disse que vou sair com ele com certeza!”, disse Jones.

Jon Jones era muito favorito, mas só venceu Marreta na decisão dividida e até polêmica dos jurados. Mesmo com o brasileiro tendo machucado o joelho logo no primeiro round.

Veja TODOS os resultados do UFC 239:

CARD PRINCIPAL

Jon Jones (EUA) venceu Thiago Marreta (BRA) na decisão dividida dos jurados (47-48, 48-49 e 48-49)
Amanda Nunes (BRA) nocauteou Holly Holm (EUA) aos 4:10 do 1º round - cinturão dos galos feminino
Jorge Masvidal (EUA) nocauteou Ben Askren (EUA) a 0:05 do 1º round - meio-médios
Jan Blachowicz (POL) nocauteou Luke Rockhold (EUA) a 1:39 do 2º round - meio-pesados
Michael Chiesa (EUA) venceu Diego Sanchez (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-26, 30-26 e 30-26) - meio-médios

CARD PRELIMINAR

Arnold Allen (ING) venceu Gilbert Melendez (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - penas
Marlon Vera (EQU) finalizou Nohelin Hernandez (EUA) com um mata-leão aos 3:25 do 2º round - galos
Cláudia Gadelha (BRA) venceu Randa Markos (CAN) na decisão unânime dos jurados (30-37, 30-37 e 30-37) - palhas feminino
Song Yadong (CHN) nocauteou Alejandro Perez (MEX) aos 2:04 do 1º round - galos
Edmen Shahbazyan (EUA) finalizou Jack Marshman (GAL) com um mata-leão a 1:12 do 1º round - médios
Chance Rencountre (EUA) venceu Ismail Naurdiev (AUT) na decisão unânime dos jurados (29-27, 29-28 e 30-27) - meio-médios
Julia Avila (EUA) venceu Pannie Kianzad (SUE) na decisão unânime dos jurados (30-37, 30-36 e 30-26) - galos