<
>

Duilio diz por que Corinthians desistiu de Diego Costa, conta tudo da novela e dispara sobre 'espera': 'Clube é grande demais'

Presidente do Corinthians descartou a contratação de Diego Costa: 'Conta não fecha para a gente'


Duilio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, descartou a contratação do atacante Diego Costa, que está livre no mercado após acertar saída do Atlético-MG

A diretoria corintiana havia feito uma oferta e aguardava a resposta do jogador de 33 anos. No entanto, durante uma live do Central do Mercado, do Ge, nesta sexta-feira (21), o cartola colocou um ponto final ''novela'' e explicou que o fator financeiro foi o principal empecilho na negociação.

''Não virá para o Corinthians nesta janela. É um grande jogador, a cara do Corinthians, poderia nos ajudar demais. Mas é uma operação que para nós não fecha a conta. Independente de ter um parceiro, tenho um parceiro para ajudar na contratação do Diego, mas que pode ajudar na de outro atleta. Os números, independente de quem paga a conta, para nós, mesmo tendo patrocinador pagando, a gente entende que não é um valor, não é porque o dinheiro não sai do cofre do Corinthians que não vou ter responsabilidade. O Corinthians continua no mercado estudando sem pressa, tivemos paciência, apanhei bastante nos 8 primeiros meses do ano'', disse antes de completar:

''O Diego quis jogar no Corinthians. Não está esperando. E se fosse (o caso de esperar), jamais iríamos esperar um segundo. O Corinthians é grande demais, quem vier tem que querer muito, quem quer muito está aqui'', afirmou Duilio.

O cartola garantiu ainda que trará um centroavante para fechar o elenco para a temporada, mas assegurou que vai buscar um jogador que se encaixe financeiramente nos planos do clube, diferentemente do que aconteceu nas tratativas com Diego Costa.

''A gente vai trazer um camisa 9, de peso, mas é preciso ter paciência, trazer um atleta que encaixa no planejamento, mas que na parte financeira que a gente entenda ser um bom negócio. O Diego não é uma condição que nos agrada como foi apresentado'', concluiu.