<
>

Ronaldo 'Fenômeno' diz que críticos tentam 'arrumar defeito' em Neymar e aponta rivais do Brasil pelo hexa em 2022

Ronaldo Fenômeno acredita na chance da seleção brasileira de conquistar a Copa do Mundo e ainda saiu em defesa de Neymar pelas críticas recebidas


A seleção brasileira foi uma das primeiras a garantir vaga na Copa do Mundo de 2022. Com campanha invicta nas eliminatórias, o time de Tite é primeiro colocado. Mas, ainda possui muitas pessoas que duvidam das chances de título.

Ronaldo Fenômeno não é uma delas. Em entrevista ao podcast Flow, o ex-atacante disse que vê a Amarelinha competitiva para o Mundial, mesmo sem ter a certeza do título.

"Acho que vamos ser competitivos (a seleção brasileira). Acho que estamos bem e nós vamos ser competitivos. Ganhar? Eu não sei. Não dá para saber. Já tivemos seleções melhores? Já. As que ganharam (a Copa) foram melhores (risos), mas eu vejo um futebol bem competitivo", disse.

Ronaldo, porém, admite ver os europeus crescendo e com melhores chances de título do que o Brasil, elegendo, inclusive, dois como favoritos para o torneio que será disputado no Catar.

"Isso é um dado bem importante de se discutir. Se for analisar o futebol brasileiro com o europeu, o europeu evoluiu muito. A velocidade dos caras, a técnica, os caras estão jogando fino. Tem muito de metodologia, de trabalho. Acho que o Brasil vai evoluir muito nos próximos anos com os cursos de treinador obrigatórios da CBF, que não tinha, vai subir nível, categorias de base”, avaliou.

A gente parou muito no tempo, mas acho que estamos tendo alguns sinais de que podemos voltar a crescer, mas isso leva tempo. Os europeus são favoritos para levar a Copa. Eu diria Alemanha e França (como favoritos)", completou.

Neymar merece críticas?

Ronaldo também saiu em defesa de Neymar. Segundo o Fenômeno, muitos criticam ele por sua vida fora dos gramados, mas que falta falarem que ele é um craque.

"O Neymar é um cracaço de bola. As pessoas entram na vida pessoal dele para arrumar algum defeito na bola dele. Isola a vida pessoal, falamos só de futebol, quem vai falar que o Neymar não é um cracaço? Acho que não tem um corajoso para dizer que ele não é um craque", afirmou.

"As pessoas condicionam muito ao fato de ganhou ou não a Copa do Mundo. Se não ganhar a Copa, não é aquela coisa toda. O brasileiro quer ganhar. O Zico não ganhou a Copa do Mundo, mas é incontestável que foi um dos maiores ídolos do futebol brasileiro. Quem vai falar que não foi?", finalizou.