<
>

Ex-companheiro de Messi vê craque isolado, 'ignora' Neymar e dispara: 'PSG pertence a Mbappé'

Thierry Henry falou sobre o momento de Lionel Messi no PSG e não acha que o argentino esteja se sentindo bem com a camisa da equipe francesa


O PSG não passou de um empate por 0 a 0, no último domingo (24), em clássico contra o Olympique de Marselha, pela Ligue 1. Mesmo contando com seus principais craques, o time de Mauricio Pochettino pouco fez para sair de campo com a vitória.

Após a partida, Thierry Henry, craque do Arsenal e antigo companheiro de Lionel Messi no Barcelona, fez uma análise particular em relação ao argentino e não tem gostado muito do que tem visto de Messi nos gramados da França.

"Está isolado, não toca muito na bola. Não diria que está triste, mas vejo-o muito isolado. Prefiro vê-lo a jogar no centro. Não creio que consiga fazer a diferença pela direita. Voltar para o centro pode lhe dar ritmo. É preciso encontrar uma solução para que eles (Messi, Neymar e Mbappé) possam jogar juntos. Não tenho os dados exatos a nível tático, mas [na direita] tem menos impacto. Tem participado com pouca frequência", disse o francês ao Amazon Prime Video.

"Messi não fala muito, ele faz isso com a bola. Neste momento, a equipe pertence ao Kylian [Mbappé]. É ele quem faz o PSG brilhar. A bola o procura mais. Se houver mais de um piloto, a equipe não pode jogar, e nesta equipe há muitos. Não estão jogando no mesmo ritmo", finalizou.

Até o momento, entre Uefa Champions League e Ligue 1, Messi soma sete partidas e três gols marcados na atual temporada. Na competição nacional, o PSG é líder isolado, com 28 pontos ganhos, sete a mais do que o Lens, segundo colocado.