<
>

Premier League: Watford faz 5 a 2 no Everton com hat-trick de King e vence pela primeira vez no Goodison Park

Watford venceu o Everton por 5 a 2, dentro do Goodison Park, com três gols do atacante Joshua King. A partida foi válida pela 9ª rodada da Premier League


Foi um massacre. De virada, o Watford venceu o Everton por 5 a 2 em pleno Goodison Park e respirou na classificação da Premier League. Foi a primeira vitória da equipe de Hertfordshire jogando dentro do estádio da equipe de Liverpool.

O grande destaque do jogo foi Joshua King, que marcou três vezes e levou a bola da partida para casa. Juraj Kucka e Emmanuel Dennis completaram o placar. Tom Davies e Richarlison descontaram.

Começou! Até meia noite de domingo (24) tem Star+ Acesso Livre. Muito esporte AO VIVO, séries e filmes. Clique aqui e aproveite de graça toda a programação.

A partida, que teve transmissão ao vivo pela ESPN no Star+, começou com os donos da casa colocando pressão.

O começo para os donos da casa não poderia ser melhor. Após bagunçar a marcação em jogada individual pela esquerda, Gray tocou para a área e achou o pé de Tom Davies, que só desviou para o fundo das redes com apenas 2 minutos.

Se os Toffees começaram com tudo, os visitantes também queriam a vitória. E chegaram ao empate aos 13 com a famosa lei do ex. Gol de Joshua King após bola parada com desvio na primeira trave, que precisou da validação do VAR após o auxiliar indicar impedimento.

Após o início intenso nos minutos iniciais, as equipes passaram a ajustar as linhas defensivas e deixaram o jogo mais 'estudado'. Pressionado pela torcida no Goodison Park, o Everton ainda arriscou mais, mas sem conseguir superar Foster.

Se os Toffees terminaram o primeiro tempo melhor, quem teve uma grande chance no início da segunda etapa foram os Hornets. Bem posicionado, Joshua King desviou bom cruzamento de Sarr, e exigiu um milagre de Pickford.

Mas se a 'lei do ex' funcionou para o Watford, foi justamente ela que puniu o time de Claudio Ranieri. Após começar no banco, Richarlison entrou em campo aos 15 minutos e marcou aos 18. De cabeça, o brasileiro antecipou a marcação e deixou o Everton novamente na frente do placar.

Sem desistir da partida, o Watford conseguiu empatar com um uma cabeçada linda de Kucka, que subiu mais do que a marcação em cobrança de escanteio e desviou para o gol.

A virada, que parecia improvável, saiu minutos depois. Após receber livre na entrada da área, King mostrou frieza para bater na saída de Pickford.

O hat-trick, para coroar o a atuação do centroavante, aconteceu aos 42. E com requintes de crueldade, dando um drible seco em Michael Keane e mandando para o fundo das redes.

Ainda teve tempo para o quinto gol do Watford, que saiu dos pés de Dennis, aproveitando um ataque em velocidade dos visitantes.

Situação no campeonato

Com a vitória conquistada neste sábado dentro do Goodison Park, o Watford chegou aos 10 pontos e se distanciou um pouco mais da zona de rebaixamento no Campeonato Inglês.

Já o Everton, derrotado em casa, deixa escapar a chance de entrar no G4 da Premier League e segue estacionado nos 14 pontos após nove jogos disputados.

O cara: Joshua King

Autor de três gols, Joshua King foi o REI da vitória do Watford dentro do Goodison Park. O ex-jogador do time de Liverpool foi O CARA da partida, e só não deixou o campo com um quatro bolas na rede por um milagre de Pickford.

Foi mal: Ngakia

O lateral do Watford foi um dos nomes com maior dificuldade em campo no Goodison Park. E muito por conta da velocidade de Demarai Gray, que caiu por seu setor de marcação e fez um verdadeiro salseiro no ataque.

Próximos jogos

Após a partida deste sábado, o Everton volta a campo apenas em 1º de novembro, quando visitará o Wolverhampton pela 10ª rodada da Premier League. Já o Watford joga antes: dia 30, contra o Southampton dentro do Vicarage Road.

Ficha técnica

EVERTON 2 X 5 WATFORD

GOLS: Tom Davies (3') e Richarlison (63') para o Everton;Joshua King (13', 80', 86'), Juraj Kucka (78') e Emmanuel Dennis (90'+1') para o Watford

Everton: Pickford; Coleman, Keane, Godfrey e Digne; Allan, Davies, Townsend, Gordon (Richarlison) e Gray; Salomón Rondón. TÉCNICO: Rafa Benítez

Watford: Foster; Ngakia, Troost-Ekong, Cathcart e Masina; Sissoko, Tufan (João Pedro), Kucka, Sarr (Dennis) e Hernández; Joshua King. TÉCNICO: Claudio Ranieri