<
>

Manchester City: acusado de estupro, Mendy permanecerá em prisão preventiva até o julgamento em 2022

play
Messi, Neymar, Cristiano Ronaldo e a lista completa dos 30 finalistas da Bola de Ouro de 2021 (1:27)

France Football divulgou a lista dos 30 jogadores que concorrem ao prêmio de melhor do mundo (1:27)

Benjamin Mendy é acusado de ataque sexual a três mulheres. Julgamento está marcado para o dia 24 de janeiro de 2022


Acusado de ataque sexual por três mulheres, o lateral-esquerdo Benjamin Mendy, do Manchester City, permanecerá em prisão preventiva até o julgamento, marcado para o dia 24 de janeiro 2022.

Sob custódia há sete semanas, o jogador francês teve três pedidos de fiança negados. O último foi rejeitado por um juiz em uma audiência no Tribunal Crown de Chester.

Mendy foi acusado no último dia 26 de agosto de cometer três estupros e uma agressão sexual. Os supostos ataques a três mulheres, incluindo uma menor de idade, teria acontecido em sua casa, em Prestbury, Cheshire,

Desde então, o Manchester City afastou o jogador até que os fatos fossem esclarecidos a partir das investigações.

Mendy não aparece mais na loja online do clube e os torcedores do City não podem comprar camisas com seu nome e número estampados nas costas.

play
1:27

Messi, Neymar, Cristiano Ronaldo e a lista completa dos 30 finalistas da Bola de Ouro de 2021

France Football divulgou a lista dos 30 jogadores que concorrem ao prêmio de melhor do mundo

O City volta a campo no sábado (16) e recebe o Burnley, às 11h (de brasília), pela Premier League, com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.