<
>

Convocação da seleção: Tite anuncia jogadores que disputarão a Copa América no Brasil

Embalada e 100% nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022, a seleção brasileira volta agora as atenções para a Copa América, que acontecerá no Brasil. E o técnico Tite anunciou nesta quarta-feira (9) a lista dos convocados para a competição.

É praticamente o mesmo grupo que terminou de disputar as duas rodadas do qualificatório para o Mundial no Catar, contra Equador e Paraguai.

A principal novidade foi o corte de Rodrigo Caio, do Flamengo, que vinha se queixando de dores no joelho direito. Para o seu lugar, foi chamado Thiago Silva, do Chelsea.

O restante da lista é igual, com a manutenção de Emerson Royal (ex-Betis e agora no Barcelona) no lugar de Daniel Alves (São Paulo) e Felipe (Atlético de Madrid) no de Lucas Veríssimo (Benfica) - ambos foram chamados para substituir a dupla de São Paulo e Benfica, que estavam na convocação incial para as eliminatórias, mas acabaram cortados por lesão.

Veja abaixo a lista completa:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Zagueiros: Marquinhos (Paris Saint-Germain), Éder Militão (Real Madrid), Thiago Silva (Chelsea) e Felipe (Atlético de Madrid);

Laterais: Danilo (Juventus), Emerson (Barcelona), Alex Sandro (Juventus) e Renan Lodi (Atlético de Madrid);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Douglas Luiz (Aston Villa), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United) e Lucas Paquetá (Lyon);

Atacantes: Everton Cebolinha (Benfica), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Barbosa (Flamengo), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (Paris Saint-Germain), Richarlison (Everton) e Vinicius Jr (Real Madrid).

Novamente país-sede, o Brasil estreia na Copa América no próximo dia 13 de junho, no Estádio Mané Garrincha, contra a Venezuela, na abertura do grupo B.

A seleção ainda enfrenta na primeira fase o Peru (17/06, no Nilton Santos), a Colômbia (23/06, no Nilton Santos) e o Equador (27/06), no Estádio Olímpico, em Goiânia).

O Brasil é o atual campeão da Copa América, se sagrando vencedor em 2019, quando sediou a competição.

O maior vencedor do torneio é o Uruguai, com 15 taças, logo à frente da Argentina, com 14. Os brasileiros estão na terceira colocação, com nove.