<
>

Cristiano Ronaldo no Barcelona? Ex-presidente diz que rejeitou contratação no passado: 'Não me arrependo'

O Barcelona contratou Ronaldinho Gaúcho junto ao Paris Saint-Germain em 2003, assim como Rafa Márquez, do Monaco. E poderia ter se reforçado também com Cristiano Ronaldo, mas o presidente à época, Joan Laporta, não quis. Foi isso o que ele próprio contou em entrevista à página do Twitter Iniestazo.

"Estávamos prestes a fechar a contratação do Ronaldinho e do Rafael Márquez. O pessoal do Márquez nos propôs o Cristiano Ronaldo, que na época estava no Sporting. Um dos agentes do Márquez nos disse que tinham um jogador que seria vendido ao Manchester United por 19 milhões de euros, mas que nos venderiam por 17 milhões", afirmou Laporta, que é candidato a voltar à presidência do Barça.

"Já havíamos investido no Ronaldinho. O Cristiano jogava mais nos lados do que no centro e achamos que já estávamos bem servidos. Então rejeitamos e não me arrependo", afirmou.

Cristiano Ronaldo foi para o Manchester United e virou uma estrela do futebol mundial, conquistando a Uefa Champions League e sendo eleito o melhor do mundo em 2008, antes de ir à Espanha para defender o Real Madrid.