<
>

Milan x Juventus: onde Pirlo foi maior?

Entre 2001 e 2015, Andrea Pirlo construiu uma das maiores carreiras de qualquer futebolista italiano. E tudo isso virá à tona nesta quarta-feira, quando a Juventus visita o Milan às 16h45 (de Brasília).

Depois de ter conseguido um título da Série B com o Brescia, uma passagem discreta pela Inter de Milão e um empréstimo pelo Reggina, o genial volante foi pilar de um Milan que conquistou duas vezes a Europa e uma legião de fãs.

Depois de dez anos e mais de 400 jogos coma a camisa rossonera, além de uma Copa do Mundo no currículo, ele, aos 32 anos, trocou o vermelho e preto pelo branco e preto e mostrou que tinha muito a dar ao futebol ainda.

Em quatro anos, Pirlo começou uma hegemonia que a Juventus mantém até hoje, tendo conquistado os quatro primeiros títulos do atual eneacampeonato da equipe de Turim na Série A.

Pirlo foi aos Estados Unidos e jogou por dois anos e meio, se aposentou do futebol ao fim de 2017 e a Juventus seguiu empilhando títulos do Calcio. Agora, ele próprio tentará manter a dinastia em seu primeiro ano como técnico e terá uma grande missão diante do Milan.

A Velha Senhora visita o seu rival no San Siro nesta quarta-feira, pela 16ª rodada do Campeonato Italiano. Enquanto os rossoneri estão na liderança com 37 pontos, a equipe bianconera aparece na quinta colocação com dez pontos a menos.

O glorioso passado de Pirlo vem à tona no presente e pode dizer muito a respeito do que será o futuro próximo do agora treinador.

Pirlo no Milan - 9 títulos (401 jogos e 41 gols)

Champions League (2): 2002–03 e 2006–07

Campeonato Italiano (2): 2003–04 e 2010–11

Copa da Itália (1): 2002–03

Mundial de Clubes (1): 2007

Supercopa da Uefa (2): 2003 e 2007

Supercopa da Itália (1): 2004

Pirlo na Juventus - 7 títulos (164 jogos e 19 gols)

Campeonato Italiano (4): 2011–12, 2012–13, 2013–14 e 2014–15

Copa da Itália (1): 2014-15

Copa da Itália (2): 2012 e 2013