<
>

Abre o olho, Palmeiras: recado de Gallardo a zagueiro do River contra o Boca causa polêmica na Argentina

Chegou o grande dia para a torcida do Palmeiras. Nesta terça-feira (5), o time de Abel Ferreira entra em campo, em Buenos Aires, para encarar o River Plate, pela partida de ida da fase semifinal da Conmebol Libertadores. O pontapé inicial acontece às 21h30.

Às vésperas do duelo diante do Palmeiras, o River Plate convive com uma polêmica ainda herdada do Superclássico diante do Boca Juniors, no empate por 2 a 2 no último final de semana.

Em trecho captado pela transmissão da ESPN, o técnico Marcelo Gallardo é flagrado no fim da partida exigindo que o zagueiro Rojas fosse mais duro em cima de Carlos Tevez em lance que originou o gol de empate dos Xeneizes, já na reta final do clássico.

Gallardo exige ao comandado: "hacete más duro, c*" (chegue mais duro, c*). Um pouco antes, é possível ouvir o treinador sendo ainda mais direto: "Rompe el tobillo". A tradução literal em português seria: "arrebente o tornozelo".

O "conselho" de Gallardo foi tema de discussões na imprensa argentina, que chegou, porém, a amenizar as críticas, dizendo que a frase não deveria ser interpretada pelo seu sentido literal, mas sim algo como "dá no meio dele", jargão utilizado no futebol para tentar parar um jogador.

O River vencia o Boca Juniors por 2 a 1. Mas, em lance individual de Carlos Tevez, Villa anotou o tento de empate no clássico.