<
>

Com campeão em fim de contrato, Klopp define alvo na Premier League para o Liverpool

Yves Bissouma, meio-campista do Brighton, está sendo seguido de perto pelo Liverpool antes da janela de transferência de janeiro. Segundo apurou a ESPN, o técnico Jurgen Klopp quer o jogador como um substituto potencial para Georginio Wijnaldum, que ficará sem contrato no fim da temporada.

Os Reds devem pagar cerca de 30 milhões de libras (R$ 206 milhões) pelo jogador, que se encaixa no perfil o diretor esportivo do clube inglês, Michael Edwards, e a equipe de recrutamento se interessa.

No entanto, o Liverpool não será o único clube interessado. Monaco e Manchester United também monitoram o atleta, assim como dois clubes espanhóis. O Brighton espera receber ofertas por ele, possivelmente na janela de transferência do próximo mês, e enfrentará uma batalha para convencê-lo a ficar.

Bissouma, que se juntou ao Brighton vindo de Lille no meio de 2018 por cerca de 15 milhões libras (R$ 103 milhões), aumentou seu desempenho de forma massiva nesta temporada. Algumas de suas estatísticas até agora temporada estão praticamente no mesmo nível de Wijnaldum, que provavelmente deixará o Liverpool para o Barcelona.

Com o futuro do Wijnaldum ainda não resolvido, o Liverpool está pensando em fazer uma jogada pelo Bissouma antes que outros clubes reafirmem seu interesse.

Enquanto isso, Klopp brincou que Thiago Alcantara será como uma nova contratação em janeiro, quando o meio-campista se aproxima de retornar à plena forma. Thiago se lesionou no derby de Merseyside em outubro e fez apenas duas partidas pelo Liverpool, depois de ser comprado por 19,8 milhões de libras do Bayern de Munique. Thiago está agora de volta ao treinamento individual enquanto se recupera de uma lesão no joelho, mas o Liverpool não vai apressá-lo.

"Ele pode treinar em equipe na próxima semana? Não sei. Ele tem que passar por alguns testes em campo até tomarmos essa decisão", disse Klopp.

O Liverpool está invicto há nove jogos no campeonato, mas venceu fora de casa pela última vez em setembro, contra o Chelsea.

"Não tivemos sorte em um ou dois jogos", acrescentou Klopp. "Não ganhamos muito fora de casa, mas tentamos mudar isso fazendo as coisas certas novamente. Jogando o melhor futebol possível fora e em casa repetidas vezes. Tentamos novamente amanhã".