<
>

Ramires agradece Palmeiras, diz que saída foi amigável e confirma 'motivações pessoais'

play
Edmundo estranha rescisão de Ramires com o Palmeiras e relembra declaração de Abel Ferreira: 'Vai virar um cisne' (1:54)

O clube anunciou nesta sexta-feira que chegou a 'comum acordo' com o volante acerca da rescisão de contrato (1:54)

O meio-campista Ramires se pronunciou pela primeira vez desde que o Palmeiras anunciou a rescisão de seu contrato, na sexta-feira.

Pelo Instagram, o jogador afirmou que o processo aconteceu da maneira “mais amigável e tranquila possível”, e agradeceu toda a direção, bem como os profissionais do departamento de futebol profissional.

Ramires também escreveu uma mensagem especial ao técnico Abel Ferreira. "Obrigado por me possibilitar mostrar que com sequência e confiança eu posso acrescentar onde quer que eu jogue no futuro", disse.

Contratado na metade do ano passado, Ramires tinha vínculo até junho de 2023. Com carreira bem-sucedida na Europa e experiência em Copa do Mundo, o meio-campista nunca conseguiu engrenar no time alviverde e, sem condições físicas ideais, era um dos mais criticados pela torcida.

play
1:54

Edmundo estranha rescisão de Ramires com o Palmeiras e relembra declaração de Abel Ferreira: 'Vai virar um cisne'

O clube anunciou nesta sexta-feira que chegou a 'comum acordo' com o volante acerca da rescisão de contrato

Curiosamente, Ramires jogou como titular no triunfo sobre o Delfin, alcançado na noite de quarta-feira, pela Copa Libertadores. Sem ser questionado especificamente sobre o meio-campista, o técnico Abel Ferreira foi elogioso e citou-o como o patinho feio que viraria cisne.

No último dia 13 de novembro, Ramires acabou multado pelo Palmeiras após ser flagrado sem máscara em uma casa noturna, episódio que gerou mal-estar. Na ocasião, por meio de seu perfil oficial no Instagram, o meio-campista publicou mensagem para se retratar.

Aos 33 anos de idade, Ramires deixa o Palmeiras com um retrospecto de 45 jogos e um gol. Na campanha rumo ao título do Campeonato Paulista, ainda sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, o meio-campista disputou 11 partidas e marcou pela única vez.