<
>

Premier League: Tottenham aproveita expulsão polêmica, humilha Manchester United e enfia 6 em pleno Old Trafford

Três gols em sete minutos, pênalti com 30 segundos, expulsão polêmica. Em um jogo intenso no Old Trafford, o Tottenham goleou o Manchester United de virada por 6 a 1, neste domingo, pela quarta rodada da Premier League.

O resultado representa a maior goleada sofrida pelos Red Devils na história da Premier League, igualando o 6 a 1 sofrido para o Manchester City em outubro de 2011, também em seu estádio. O clube ainda sofreu 5 a 0 fora de casa para Newcastle, em 1996, e para o Chelsea, em 1999.

Son Heung-Min foi o destaque com dois gols e uma assistência em uma partida em que ele era dúvida por questão física. Tanguy Ndombélé e Harry Kane também deixaram sua marca para os Spurs antes do intervalo, enquanto Bruno Fernandes havia aberto o placar para os donos da casa. Na etapa final, Serge Aurier e Kane ampliaram a vantagem do time comandado por José Mourinho.

Além de cinco gols, o primeiro tempo ainda ficou marcado por uma situação polêmica. Aos 28min, quando o placar estava em 2 a 1 para os londrinos, Lamela acertou Martial, que revidou e acabou vendo o cartão vermelho direito, enquanto o argentino não recebeu qualquer punição.

Com o resultado, o Tottenham vai a sete pontos e fica na quinta colocação e coroa uma semana na qual já havia se classificado às quartas de final da Copa da Liga Inglesa ao eliminar o Chelsea nos pênaltis.

Já o United, que tem uma partida a menos, estaciona nos três pontos e figura somente na 16ª posição. Os Red Devils estão zerados em seu estádio neste Campeonato Inglês, já que no outro jogo em Old Trafford pela competição perdeu para o Crystal Palace.

Ficha técnica

Manchester United 1 x 6 Tottenham

GOLS: Martial (Manchester United); Ndombélé, Son (2x), Kane (2x) e Aurier (Tottenham)

MANCHESTER UNITED: De Gea; Wan-Bissaka, Bailly, Maguire e Shaw; Pogba e Matic (McTominay); Greenwood (Van de Beek), Bruno Fernandes (Fred) e Rashford; Martial. Técnico: Ole Gunnar Solskjaer

TOTTENHAM: Lloris; Aurier, Sánchez, Dier e Reguilón; Sissoko, Hojbjerg e Ndombélé (Alli); Lamela (Lucas), Kane e Son (Davies). Técnico: José Mourinho

Estatísticas

Ndombélé marcou pela primeira vez na Premier League desde setembro de 2019, encerrando um jejum de 19 jogos

Harry Kane é o líder em assistências nesta Premier League, com 6 - tendo o triplo do que seus principais concorrentes. Seu melhor desempenho na competição foi em 2016-17, com 7

Son tem 6 gols na Premier League e está empatado com Calvert-Lewin na liderança da artilharia

Foi a vez nas últimas 13 edições da Premier League que o United levou 2 gols nos 10 primeiros minutos

Foi a primeira vez que o United levou 4 gols em um primeiro tempo de um jogo da Premier League

Kane e Son combinaram já para 26 gols na Premier League, a maior marca de uma dupla - a liderança no quesito é de Drogba e Lampard, com 35.

Em 194 jogos entre Tottenham e United, esta foi apenas a vez que os Spurs fizeram ao menos 5 gols no rival - a primeira desde 16 de outubro de 1965, quando ganharam por 5 a 1.

Em 23 jogos contra o United, Mourinho soma 10 vitórias, 10 empates e 3 derrotas.


Três gols em sete minutos

Com menos de sete minutos, a partida já tinha um pênalti e três gols. Com 30 segundos, Sánchez derrubou Martial na área, e o árbitro Anthony Taylor marcou o pênalti, que foi convertido por Bruno Fernandes.

Na sequência, Lamela ganhou na raça após recuo ruim de Maguire, e Ndombélé mandou para a rede.

Três minutos depois, Kane foi esperto para cobrar rapidamente falta que ele mesmo sofreu e acionou Son, que invadiu a área e virou o placar.


Expulsão polêmica e gol de Kane

O agitado primeiro tempo ainda estava longe de acabar. Aos 28min, Martial foi expulso. Três minutos mais tarde, o Tottenham ampliou a vantagem ao aproveitar saída de bola errada de Bailly e concluir a jogada com passe de Son e finalização de Kane.


E tinha mais...

Na volta do intervalo, os Spurs precisaram de seis minutos para marcar mais um. Em uma boa jogada coletiva, Aurier recebeu grande passe de Hojbjerg e bateu cruzado para vencer De Gea.

No restante do confronto, os Spurs adminstraram a vantagem sem serem ameaçados. E ainda conseguiriam o sexto aos 34min, quando Pogba derrubou Davies na área e cometeu um pênalti, que foi convertido por Kane.


Classificação

- Manchester United: 16º lugar, com 3 pontos
- Tottenham: 5º lugar, com 7 pontos


Próximos jogos

Passada a pausa para data Fifa, ambos os times voltam a ação pela Premier League.

  • Sábado, 17/10, 11h*, Newcastle United x Manchester United

  • Domingo, 18/10, 12h30*, Tottenham x West Ham

*horário de Brasília