<
>

Libertadores: Jornal argentino destrói Flamengo: 'Foi mero espectador de um samba bárbaro'

O jornal Olé, da Argentina, escreveu texto carregador de ironia para comentar a derrota por 5 a 0 do Flamengo para o Independiente Del Valle, nesta quinta-feira, pela Conmebol Libertadores.

O diário destruiu a atuação rubro-negra em Quito, e afirmou que o Del Valle fez o time da Gávea dançar ao ritmo de "samba".

"No regresso à Copa Libertadores, o atual campeão pagou o ingresso mais caro. Si, o Flamengo, repleto de estrelas, não jogou na partida. Foi um simples espectador de um samba bárbaro que o Independiente Del Valle armou", disparou.

"O Flamengo não teve reação nem à situação imposta pelo Del Valle no início da partida e nem no decorrer do jogo. Todas as situações de perigo foram dos equatorianos. Gabigol quase não tocou na bola, tampouco Diego...", citou.

O diário afirmou que a goleada deixou uma "mancha negra" na história do Fla, e salientou que o Rubro-Negro não lembrou nada do time de 2019.

"Do campeão que superou o River em Lima, não houve nem rastros. E o Del Valle conseguiu sua vingança pela derrota por 3 a 0 pela Recopa, no Maracanã, no início de ano, colocando para bailar o supertime do Brasil em pleno 'sambódromo' de Quito", ironizou.

Com o resultado, o time equatoriano vira líder isolado do grupo A, com 9 pontos em 3 jogos e 100% de aproveitamento.

O Flamengo, por sua vez, é vice-líder, mas registra agora sua 1ª derrota na edição 2020 da Libertadores.