<
>

Técnico do RB Leipzig é mais novo que Messi e agora enfrentará 'guru' de sua carreira por vaga na final da Champions

play
RB Leipzig derruba Atlético de Madrid de Simeone e enfrenta PSG na semifinal da Champions (1:06)

O triunfo foi um "presente" à equipe que buscou o ataque durante praticamente os 90 minutos (1:06)

A vitória do RB Leipzig sobre o Atlético de Madrid colocou um novo recorde no currículo de Julian Nagelsmann. O treinador alemão é o mais novo a chegar a uma semifinal de Champions League, com 33 anos, batendo a marca de Didier Deschamps em 2004, quando chegou à fase com o Monaco aos 35 anos.

Para se ter ideia, ele é mais novo do que algumas estrelas como Lionel Messi, Sergio Ramos, Cristiano Ronaldo e Daniel Alves.

Rumo à batalha contra o Paris Saint-Germain pela semifinal do torneio continental, o jovem treinador vai enfrentar um de seus maiores influenciadores na carreira como comandante: Thomas Tuchel.

O primeiro time que o atual técnico do PSG comandou na carreira foi o Augsburg, entre 2007 e 2008. Por coincidência, um Julian Nagelsmann de 20 anos jogou como zagueiro por lá na mesma época.

Quando o então jogador descobriu que podia desenvolver uma doença crônica nas articulações caso continuasse jogando, Tuchel foi aquele que o encorajou a seguir seus passos como treinador.

"Ele não foi meu mentor, mas sou muito grato a ele, por ter me dado a ideia de ser treinador", disse em 2015, para a revista Der Spiegel.

Anos depois, em 2016, quando Nagelsmann treinava o Hoffenheim, os alemães se enfrentaram pela primeira vez, com vitória do Borussia Dortmund de Tuchel. O 'pupilo' ainda teve outras duas oportunidades de bater o 'guru', mas sem sucesso: um empate e outra derrota - todos estes jogos pela Bundesliga.

A nova oportunidade surge quatro anos depois, agora pela Champions League, e ambos em novas equipes.