<
>

Messi resolve, Barcelona vence Napoli e vai às quartas da Champions pela 13ª temporada seguida

play
Messi resolve, Barcelona vence Napoli e vai às quartas da Champions (0:55)

O argentino foi o nome do jogo ao anotar um belo gol, ter outro lado anulado e ainda sofrer um pênalti convertido por Luis Suárez. Clément Lenglet abriu o placar para os donos da casa. (0:55)

O Barcelona está nas quartas de final da Champions League. Com uma atuação decisiva de Lionel Messi, o time venceu o Napoli por 3 a 1 no Camp Nou, neste sábado, pelo confronto de volta das oitavas. Na ida houve empate por 1 a 1.

O argentino foi o nome do jogo ao anotar um belo gol, ter outro lado anulado e ainda sofrer um pênalti convertido por Luis Suárez. Clément Lenglet abriu o placar para os donos da casa. Lorenzo Insigne descontou com uma penalidade. Todos os gols da partida saíram antes do intervalo.

Agora, o time catalão irá enfrentar o Bayern de Munique, que passou pelo Chelsea ao vencer os londrinos novamente. O confroto das quartas de final irá ocorrer às 16h (de Brasília) de sexta-feira, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Com o resultado, o Barça alcança as quartas de final da Champions pela 13ª temporada seguida - a última vez que ficou de fora foi em 2006-07, quando caiu nas oitavas para o Liverpool.

O Napoli, por sua vez, segue sem nunca ter ido às quartas do torneio continental.

Ficha técnica

Barcelona 3 x 1 Napoli

GOLS: Lenglet, Messi e Suárez (Barcelona); Insigne (Napoli)

BARCELONA: Ter Stegen; Semedo, Piqué, Lenglet e Alba; Sergi Roberto, Rakitic e De Jong; Messi, Suárez (Firpo) e Griezmann (Monchu). Técnico: Quique Setién

NAPOLI: Ospina; Di Lorenzo, Manolas, Koulibaly e Mário Rui; Fabián Ruíz (Elmas), Demme (Lobotka) e Zielinski (Lozano); Callejón (Politano), Mertens e Insigne (Milik). Técnico: Gennaro Gattuso

Estatísticas

Messi chegou a 31 gols na temporada, sendo o na Champions.

Lenglet faz seu gol nesta temporada em todas as competições.

Desde que chegou em 2018-19 ao Barcelona, Lenglet lidera em gols de cabeça em todas as competições com 5 - Luis Suárez tem 4.

Messi marcou pela primeira vez contra o Napoli, sua 35ª vítima em uma partida de Champions - ele é o líder na estatística, sendo que os mais próximos são Cristiano Ronaldo e Raúl, que marcaram contra 33 times diferentes.

Messi é o jogador com mais gols em em oitavas de final de Champions: 27.

Messi tem 47 gols em mata-mata de Champions, ficando atrás só de Cristiano Ronaldo (67).


2 pênaltis, Messi marcando na raça e gol anulado

Os visitantes começaram levando mais perigo, e Mertens chegou a acertar a trave com 90 segundos de jogo. No entanto, seria os catalães que abririam o placar, aos 10min. Rakitic cobrou escanteio na área, e Lenglet cabeceou sem chances para Ospina.

A equipe italiana até fazia uma boa partida, mas isso não impediu que sofresse com o talento de Messi. Aos 23min, o craque argentino recebeu de Suárez na direita e, com um misto de talento e raça, escapou de três marcadores e finalizou dentro da área para ampliar a vantagem.

Sete minutos depois, veio o terceiro - que não valeu. De Jong levantou de três dedos na medida para Messi, que aproveitou espaço de Mário Rui, dominou no peito e mandou para a rede. Porém, o gol foi anulado por toque no braço do camisa 10 no lance.

Aos 46min, o Barça chegou de fato ao terceiro. Messi se aproveitou de desatenção de Koulibaly, que, no momento do chute, acertou o argentino. O árbitro Cüneyt Çakır não marcou o pênalti, mas mudou de ideia após consultar o VAR. Com Messi sendo atendido, Suárez converteu a cobrança.

Ainda daria tempo do Napoli fazer o dele, aos 50min, com Insigne convertendo pênalti - Rakitic cometeu falta na área em Mertens.


Barça classificado

Precisando de dois gols, o Napoli até foi para cima, mas o Barça neutralizou bem o adversário e administrou a vantagem, sem correr muitos riscos.

No fim, o Napoli ainda assustaria o adversário. Aos 36min, o time italiano até balançou as redes com um cabeceio de Milik, mas o lance foi anulado por impedimento. Pouco depois, Lozano acertou a trave com um cabeceio.