<
>

Neymar volta com tudo, e PSG faz 9 a 0 em time da 2ª divisão em 'pré-temporada' para Champions

Com a Ligue 1 encerrada antes da hora por conta da pandemia de coronavírus e precisando entrar no ritmo para as quartas de final da Champions League, aonde enfrenta a Atalanta, o Paris Saint-Germain decidiu fazer uma pequena 'pré-temporada'.

Neste domingo, a equipe visitou o modesto Le Havre, da segunda divisão francesa, e não teve piedade: aplicou 9 a 0 nos donos da casa.

A equipe de Paris jogou o primeiro tempo com a equipe titular e abriu logo 5 a 0. Icardi anotou dois, Neymar fez 3 a 0 com um golaço e Mbappé aumentou para 4 a 0 antes de sofrer o pênalti do 5º gol, batido e convertido por Neymar.

Na segunda etapa, as duas equipes fizeram 11 alterações e os reservas do PSG não tiraram o pé. Sarabia marcou duas vezes e Gueye e Muinga completaram a goleada: 9 a 0 para os parisienses.

Como esperado e bem apontado pelo placar, o jogo teve ritmo de treino para o PSG, que quase nem se esforçou para atropelar o adversário. A partida ainda contou com a presença de 5 mil torcedores, todos afastados de acordo com o distanciamento social e usando máscaras.

Com os dois gols que marcou, Neymar chegou aos 71 tentos com a camisa do Paris e agora está apenas um gol atrás de Raí na disputa de maior brasileiro artilheiro da história do clube.

Ficha técnica

Le Havre 0 x 9 Paris Saint-Germain

GOLS: Icardi 2x, Neymar 2x, Mbappé, Gueye, Sarabia 2x e Muinga;

LE HAVRE: Gorgelin, Coulibaly, Mayembo, Ersoy e Ben Mohamed; Lekhal, Fontaine e Basque; Bonnet, Casimir e Mahmoud; Técnico: Paul Le Guen

PARIS SAINT-GERMAIN: Navas, Kehrer, Marquinhos, Kimpempe e Bakker; Di María, Herrera, Paredes e Neymar; Mbappé e Icardi; Técnico: Thomas Tuchel

Estatísticas

Neymar anotou 2 gols na partida e chegou aos 71 tentos com a camisa do Paris Saint-Germain

O atual camisa 10 é o brasileiro com mais gols na história do clube, perdendo apenas para Raí que marcou 72 nos cinco anos que vestiu a camisa do PSG


Atropelo no primeiro tempo!

Parecia treino! O PSG não fez o mínimo esforço para anotar 5 gols nos primeiros 45 minutos da partida.

Logo aos 8, Icardi recebeu cruzamento da direita e só empurrou para o gol vazio. Onze minutos depois, uma linda trivela de Dí Maria achou Icardi novamente livre dentro da área para fazer seu segundo gol na partida.

Aos 21, Neymar fez um golaço. O brasileiro recebeu pela esquerda, invadiu a área e com um só corte deixou dois zagueiros para trás e o goleiro no chão antes de tocar para o gol vazio.

Aos 29, Mbappé aproveitou bobeira na saída de bola, roubou na entrada da área, invadiu pela esquerda e mandou para o fundo da rede.

Aos 43, o camisa 7 invadiu a área pela esquerda, foi derrubado e a arbitragem marcou pênalti. Na cobrança, Neymar não deu chance ao goleiro e fez 5 a 0 ainda no primeiro tempo.


Reservas mantém o ritmo

Para a segunda etapa, as duas equipes trocaram seus onze jogadores titulares e jogaram a segunda parte com a equipe reserva. O que não significou, porém, uma diminuição do ritmo por parte do PSG.

Aos 5 minutos, Gueye aproveitou rebote de cabeçada de Thiago Silva e fez 6 a 0. O 7º veio dos pés de Pablo Sarabia, que só completou cruzamento. Foi também dessa maneira que Muinga deixou sua marca para fazer 8 a 0.

Sarabia voltou a balançar as redes para fazer o 9º gol. Muinga tentou chute cruzado, pegou mascado e a bola se ofereceu para o espanhol, praticamente embaixo da trave, tocar para o gol vazio.