<
>

Flamengo: Marcos Braz, sobre assédio do Benfica a Jorge Jesus: 'Não tem nada para falar, não'

Depois da derrota nos pênaltis do Flamengo para o Fluminense, a FlaTV não fez perguntas ao técnico rubro-negro, Jorge Jesus, sobre sua possível saída para o Benfica, como vem sendo especulado na mídia portuguesa.

No entanto, o vice-presidente de futebol do Fla, Marcos Braz, concedeu entrevista ao canal de YouTube "Fla Choque", ainda no Maracanã, e falou sobre o tema.

Muito breve, Braz limitou-se a dizer que não conversou com o Mister sobre o possível assédio benfiquista, e, em seguida, encerrou o papo.

"Encontrei o Jorge várias vezes no vestiário, vim ao lado dele no ônibus. A gente não conversou absolutamente nada... E também não tem nada para falar, não", afirmou.

Mais cedo, em entrevista ao portal UOL, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, também foi breve ao falar de Jesus.

"Isso aí (possível saída) você tem de perguntar a ele, mas ele fica (na Gávea)", garantiu.

Sobre a partida contra o Flu, Marcos Braz parabenizou a conquista tricolor e ressaltou que o foco já mudou para a "finalíssima" do Carioca.

"Fluminense ganhou, está de parabéns. Agora é ir atrás desse título, não adianta ficar dando desculpa ou achar culpado", pediu.

"Não faltou empenho hoje, mas tenho certeza que vai ter mais ainda nos próximos jogos", finalizou.

Jorge Jesus tem contrato com o Flamengo até junho de 2021.