<
>

Liverpool: Mohamed Salah fala sobre momentos favoritos da Premier League e muito mais em entrevista exclusiva

play
Salah celebra o título, fala sobre rivalidade contra o Manchester City e afirma: 'Motivados para quebrar o recorde' (1:14)

Egípcio do Liverpool comentou a possibilidade de bater o recorde de pontos da Premier League (1:14)

Terceiro melhor jogador do mundo em 2018, campeão da Champions League em 2019 e vencedor da Premier League em 2020. Mohamed Salah vive o grande momento de sua carreira em um Liverpool que desfruta da primeira conquista do Campeonato Inglês em 30 anos.

“Não acho que um título de Champions League e um de Premier League é suficiente para os jogadores. Nós queremos ser lembrados para sempre pelo clube, pela cidade e pela Premier League em geral. Ainda tem um longo caminho. Do meu ponto de vista, ainda existe um longo caminho para percorrer”, contou o atacante em entrevista exclusiva à ESPN Brasil.

Há objetivos ainda por serem alcançados na atual temporada, inclusive. No âmbito individual, o atacante tenta ser artilheiro pela segunda campanha seguida da Premier League – terminou empatado na liderança com Sadio Mané e Pierre-Emerick Aubameyang em 2018-19. No momento, o egípcio soma 17 gols, dois a menos do que os líderes Jamie Vardy e Aubameyang.

Já no aspecto coletivo, os Reds tentam superar os 100 pontos do Manchester City em 2017-18, que é a melhor campanha na história da competição. Com mais sete partidas por disputar, a equipe de Jürgen Klopp tem 86 pontos.

“Nós vencemos a Premier League e estamos felizes, mas agora estamos motivados para quebrar o recorde, que pode ser uma boa meta para nós”, afirmou Salah, um atacante que gosta de trabalhar com objetivos.

“Antes de toda a temporada eu tenho que colocar metas para que eu me motive durante a temporada. Assim, eu me esforço mais e tento conseguir meus gols.”

Por falar em gols, ele sempre marcou ao menos 20 em cada uma de suas três temporadas com a camisa do Liverpool. O destaque foram para os 44 em 2017-18, sua primeira campanha no clube, no qual era o grande protagonista de um time que foi vice-campeão da Champions. Salah ficou sob os holofotes, e os adversários se tornaram mais atentos nele, o que causou um impacto para o camisa 11.

“Eu tive que mudar o meu jogo, o que é ótimo porque você cria chances para os companheiros marcarem gols! Mas eu ainda estou feliz com isso porque estou marcando gols e quebrando recordes. É ótimo”, declarou o atacante de 28 anos.

Com contrato até 2023, não faltam metas e nem desejo para Salah continuar sendo, no Liverpool, um dos grandes nomes do futebol atualmente.

O Liverpool visita o Manchester City nesta quinta-feira, às 16h15 (de Brasília), com transmissão da ESPN Brasil e ESPN App.

Confira abaixo diferentes trechos da entrevista exclusiva com Mohamed Salah:

Diferença de vencer Champions League e Premier League

Salah: Eu disse antes que adoraria vencer a Champions League, mas se os torcedores preferirem a Premier League, eu iria de Premier League também. Depois do que eu vi ao vencer a Premier League, é algo muito grande para a cidade, para os torcedores, para as pessoas. Nós ficamos 30 anos sem vencer

play
0:45

Salah revela a diferença dos títulos da Champions League e Premier League: 'Algo muito grande para a cidade'

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


Momentos preferidos da Premier League

Salah: Claro, tenho alguns. Não sei qual é o meu preferido, mas eu acho que o jogo contra o City aqui foi incrível. Foi quando eu percebi que iriamos vencer a Premier League

play
0:44

Salah cita jogos importantes e diz quando percebeu que o Liverpool venceria a Premier League

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


Mudança nas temporadas

Salah: É diferente porque, na primeira temporada, ninguém focava em mim. Eu tinha mais chances para criar e para marcar. Desde então, sempre deixam dois jogadores em mim. Todo mundo focava em mim. Eles se preparavam antes dos jogos e pensavam em como me parar.

play
0:50

Salah destaca mudanças desde que chegou ao Liverpool: 'Na primeira temporada, ninguém focava em mim'

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


Reflexão e metas

Salah: Antes da temporada, eu passo uma semana sozinho, totalmente sozinho, onde coloco metas para mim mesmo. Nesta temporada, o principal era vencer a Premier League.

play
1:15

Salah: 'Antes da temporada, eu passo uma semana sozinho, totalmente sozinho, onde coloco metas para mim mesmo'

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


Filha de Salah: alegria com título e choro por não poder fazer gols em Anfield

Salah: Nós ganhamos um presente do clube, uma bandeira do Liverpool. Ela ficou muito feliz. Ela perguntou, “Você venceu o troféu?”. Eu respondi que sim. “Você é um campeão agora?”. Eu respondi que sim. Ela disse, “Ok, eu quero voltar lá e marcar gols então”. Eu disse que, talvez, nesta temporada, não vai dar. Ela começou a chorar, eu disse que tentaria encontrar um jeito de ir lá sozinho com ela para que ela faça gols, mas não teremos torcedores nesta temporada.

play
0:52

Salah brinca que filha começou a chorar ao saber que não poderia fazer gols em Anfield: 'Disse que tentaria encontrar um jeito'

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


‘Craque poliglota’ e relação com brasileiros

Salah: Na quarentena eu estava aprendendo espanhol, e aí tentei melhorar o meu italiano na quarentena. Eu gosto de aprender línguas. Minha relação com o Bobby... o Alisson eu conheço há muito tempo. Acho que temos uma boa relação dentro e fora dos campos.

play
0:49

Salah fala sobre relação com brasileiros e brinca: 'O meu português? Meu espanhol está ótimo!'

Egípcio do Liverpool concedeu entrevista exclusiva a Natalie Gedra, correspondente dos canais ESPN na Inglaterra


Vontade de mais taças

Salah: São apenas três anos. Se você está satisfeito em vencer uma Premier League e uma Champions League em três anos, você está cometendo um grande erro. Nós ainda temos vontade e queremos vencer mais. Todos nós queremos vencer mais.