<
>

Irmão de Cavani revela sondagens de Flamengo, Palmeiras, Inter e Boca Juniors pelo uruguaio

Um dos nomes mais importantes da história do Paris Saint-Germain, Edinson Cavani deve deixar o clube no final da temporada. O uruguaio tem vínculo com o time francês até o julho, e não renovou seu contrato.

A primeira equipe na qual se pensava que o atacante poderia atuar é o Napoli, onde se destacou e é tido como ídolo até hoje.

Entretanto, o irmão do atacante afirmou ao jornal “Tuttosport” e ao portal “CalcioNapoli1926.it”, da Itália, que alguns times sul-americanos sondaram o jogador e que os italianos ainda não o procuraram.

No começo do ano, Andrés Sanches, presidente do Corinthians, chegou a citar uma conversa para saber valores de salário do atacante, algo que pode chegar a aproximadamente R$ 52 milhões (10 milhões de euros) por ano.

Mesmo assim, como conta Walter Fernando Guglielmone, alguns clubes da América do Sul estariam interessados no atleta.

“Recebemos sondagens da América do Sul. De Flamengo, Palmeiras, Internacional e Boca Juniors”, disse o meio irmão de Cavani.

O interesse do Flamengo surgiu no mesmo período em que o uruguaio foi procurado pelo Corinthians. Havia o interesse por parte dos rubro-negros, mas a confirmação da permanência de Gabigol inviabilizou a negociação.

Sempre titular absoluto do PSG, o centroavante perdeu espaço na atual temporada com a chegada de Icardi. Mesmo assim, chegou à marca de 200 gols pelo clube francês, e é o maior artilheiro da história da equipe.

Entre gols e marcas históricas, a passagem do centroavante por Paris também ficou marcada por alguns desentendimentos com Neymar, com quem divide vestiário desde 2017.