<
>

Goleiro Rafael rescinde contrato, deixa Cruzeiro após 18 anos e está livre no mercado

play
'Cruzeiro vai ignorar' quase R$ 26 milhões não pagos ao Pyramids por Rodriguinho, explica Nicola (1:37)

Time mineiro acordou US$ 7 milhões com os egípcios, pagou só US$ 1 milhão e rescindiu o contrato (1:37)

Após realização de audiência na Justiça do Trabalho, o Cruzeiro chegou a um acordo com Rafael para a rescisão do contrato do goleiro, nesta sexta-feira, em Belo Horizonte.

Segundo João Henrique Chiminazzo, advogado do atleta, Rafael já está livre no mercado e pronto para atuar por um novo clube.

"Houve acordo, conseguimos chegar a um número para o Rafael seguir a carreira dele. Ele encerra o vínculo com o Cruzeiro e agora está livre para jogar onde quiser", afirmou Chiminazzo.

"Foi uma rescisão de contrato. As partes chegaram a um acordo e o Rafael está livre. Ele entende a situação do Cruzeiro, e o Cruzeiro entende a dele. Agora, o Rafael vai dar sequência à carreira", completou.

Segundo Chiminazzo, seu cliente aceitou receber os pagamentos atrasados a que tem direito a partir do meio de 2021.

"Foi um acordo razoável para as duas partes, e isso era o mais importante para este momento", ressaltou o advogado.

Revelado pelo clube celeste, Rafael, atualmente com 30 anos, estava na Toca da Raposa desde 2002, quando chegou às categorias de base da equipe.

Pela equipe profissional, ele realizou 92 partidas, mas ainda não havia entrado em campo em 2020.

Desde que foi promovido, em 2008, Rafael ganhou dois Brasileiros e duas Copas do Brasil, além de seis Campeonatos Mineiros.

Na base celeste, ele ainda faturou uma Copa São Paulo de Futebol Júnior e um Brasileiro sub-20.