<
>

Quem é o artilheiro do Milan na década? Ele jogou menos de dois anos e se acha uma 'lenda' do futebol

Foram quase dois anos, precisamente, um ano, 10 meses e 20 dias. Entre 28 de agosto de 2010 e 18 de julho de 2012, Zlatan Ibrahimovic vestiu a camisa do Milan. E bastou esse curto período de 690 dias para que ele se tornasse o artilheiro do clube italiano na década.

A passagem do craque sueco em Milão durou 61 jogos, com 42 gols, recorde no clube contando apenas as últimas 10 temporadas.

O colombiano Carlos Bacca ficou pouco mais de dois anos, entre 2015 e 2017, e é o segundo no período, com 31. Giacomo Bonaventura, no Milan desde 2014, é o terceiro, com 29. Mario Balotelli, que passou duas vezes por Milão, entre 2013 e 2014 e depois 2015 e 2016, anotou 27, enquanto Robinho completa o top 5 com 25 gols entre 2010 e 2014.

Depois de deixar o LA Galaxy, em novembro, Ibrahimovic, aos 38 anos, ainda não decidiu qual será seu futuro. Curiosamente, o Milan aparece como forte candidato a ser a próxima casa do sueco. “O Milan é minha segunda casa”, disse, à “Gazzetta dello Sport”, também em novembro. "Milão não é minha segunda cidade, é minha segunda casa. Tenho memórias maravilhosas. "

No começo de dezembro, o “The Telegraph”, da Inglaterra, afirmou que Ibrahimovic já está acertado com o Milan. Em entrevista à revista “GQ italiana” dias depois, ele aumentou a expectativa de um retorno. “Te vejo em breve na Itália”, disse.

“Vou para um time que precisa ganhar de novo, que precisa renovar sua história, que procura um desafio contra tudo e contra todos. Só assim posso encontrar o estímulo necessário para surpreender de novo”, completou Ibrahimovic.

“Cheguei como um herói, saio como uma lenda”, disse Ibra, quando deixou o PSG, em 2016. Pelos números, a “lenda” também deixou saudades em Milão.