<
>

LaLiga: Messi sente nova lesão, mas Arthur resolve com golaço de muito longe e Barcelona volta a vencer

O Barcelona venceu o Villarreal por 2 a 1, em partida válida pelo 6ª rodada da LaLiga, no Camp Nou. O estádio aliás completou 62 anos de existência nesta terça-feira.

Os gols do time da casa foram marcados por Griezmann, em cobrança de escanteio, e Arthur em uma patada de fora da área. Os visitantes descontaram com Cazorla, em outro chutaço de longe, com uma curva que enganou Ter Stegen.

Com o resultado, o Barça se recupera do momento complicado que vinha vivendo. Depois do pior início do campeonato espanhol desde a temproada 1994/1995, o clube somava apenas sete pontos, com cinco rodadas. Eram duas derrotas, uma delas para o recém-promovido Granada, na última rodada.

Agora os catalães chegam na 4º colocação, com 10 pontos. Já o Villarreal fica em 8º lugar, com 8 pontos.

ARTHUR E NOVAS MARCAS

O meia brasileiro marcou o segundo da partida, em um golaço de fora da área. Esse foi o gol de maior distância da sua carreira, com 29,19m. Além disso, foi a primeira competição em que ele marca mais de uma vez. Agora, soma dois no Espanhol.

MESSI SENTE NOVA LESÃO

Era a primeira vez que o argentino entrava como titular em uma partida nesta temporada, devido a recuperação de uma lesão na perna direita. Mas já na parte final do primeiro tempo, o camisa 10 foi atendido fora de campo, e acabou não voltando para a etapa final. De acordo com jornalista espanhóis, dessa vez ele sentiu um desconforto na virilha da perna esquerda.

O JOGO

O Barcelona começou se impondo em casa, e logo aos 2, o agora melhor do mundo chutou com perigo, mas pela rede do lado de fora. Mas aos 5, não teve jeito. Griezmann se antecipou e apareceu na primeira trave para fazer de cabeça, depois de cobrança de escanteio do argentino.

Aos 14, um verdadeiro golaço. Arthur recebeu um pouco depois da entrada da área, teve tempo de ajeitar e mandar um balaço direto no ângulo. Assenjo nem se mexeu.

Aos 30, Messi sentiu nova lesão e é atendido pelos médicos. Ele até voltou para o gramado para tentar continuar.

Villarreal mostrou que ainda estava vivo e faz o primeiro aos 43. Cazorla bate de fora da área, a bola faz uma curva e passa entre as mãos de Ter Stegen. Pode ser considerado uma falha, considerando o calibre do goleiro do time catalão.

Segundo tempo sem Messi

Não deu para o camisa 10. Quem voltou em seu lugar foi Dembélé, que estava de volta depois de sofrer lesão na primeira rodada do torneio nacional.

O francês entrou com tudo, em duas jogadas seguidas, deu assistência na medida para Griezmann, que furou, e Suárez, que bateu fraco.

O Submarino Amarelo ameçou uma pressão, fez Ter Stegen trabalhar, mas não conseguiu nenhuma chance perigosa.

Aos 33, o jovem de 16 anos que vem abalando a Catalunha entrou no jogo. Ansu Fati logo mostrou porque é o nome da vez e quese marcou depois de lindo passe de calcanhar de Griezmann.