<
>

Por que, pela história, o jogo Boca x River já é uma das semifinais da Libertadores

play
De Rossi reforça sonho que tinha em jogar pelo Boca, compara à Roma e define o que é seu novo clube (1:45)

Italiano fará sua estreia com a camisa do time pela Copa Libertadores (1:45)

Atual campeão da Copa Libertadores da América, o River Plate abriu boa vantagem para passar de fase e tem tudo para reeditar na próxima fase a última final da competição contra o arquirrival Boca Juniors.

Se depender do retrospecto das equipes, o duelo argentino está garantido nas semifinais.

"Los Millonarios" venceram o Cerro Porteño por 2 a 0 na quinta-feira no estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, na Argentina, pelas quartas de final.

Com isso, pode até perder por um gol de diferença ou por 3 a 1 na próxima quinta-feira no estádio La Olla Azulgrana, em Assunção, no Paraguai, às 19h15 (de Brasília), que estará nas semifinais.

Já a situação do Boca Juniors é ainda mais cômoda. O time "xeneize" venceu na ida o LDU-EQU por 3 a 0 no Equador.

No duelo de volta, na Bombonera, os argentinos poderão ser derrotados por até dois gols de diferença que estarão garantidos na próxima fase.

O Boca Juniors nunca perdeu uma eliminatória da Copa Libertadores depois de vencer a primeira partida por mais de três gols de margem.

E o River Plate jamais foi eliminado no torneio depois de vencer o primeiro jogo com mais de dois gols de margem.

As equipes se enfrentaram na última decisão do torneio. O jogo de ida terminou empatado em 2 a 2 na Bombonera. A partida de volta, que seria no Monumental de Núñez, não ocorreu por causa de um ataque de torcedores do River atacaram o ônibus do Boca.

O jogo foi remarcado para o estádio Santiago Bernabéu, em Madri, na Espanha. Os "Millonarios" venceram os arquirrivais por 3 a 1.