<
>

Felipe Melo é expulso de novo e deixa jogo do Palmeiras contra o Grêmio chorando

Felipe Melo voltou a roubar a cena do pior jeito possível nesta terça-feira. O volante do Palmeiras foi expulso mais uma vez, agora diante do Grêmio, e deixou o gramado nas quartas de final da Libertadores chorando, praticamente inconsolável.

O jogador foi expulso por tomar dois cartões amarelos. O primeiro veio logo aos oito minutos de partida, por uma solada em Jean Pyerre, ainda no campo de ataque do Palmeiras. O vermelho veio aos 32 do segundo tempo, após um pisão em Luciano.

Felipe Melo já caiu no gramado com a mão no rosto, chorando. Tomou o segundo amarelo e o vermelho quando ainda estava caído. Escondeu a cara durante todo o tempo, com as mãos e com a camisa, e deixou o campo inconsolável.

Vários companheiros, como William, Gustavo Gómez e Raphael Veiga, o abraçaram, mas ele continuou chorando.

Apesar de ter ficado com um a menos, o Palmeiras conseguiu segurar a vitória por 1 a 0 - Gustavo Scarpa havia aberto o placar aos 30 do primeiro tempo.

Felipe Melo ficou 52 jogos sem ser expulso, mas tomou vermelho nas duas últimas aparições com a camisa alviverde. Ele já havia sido expulso diante do Bahia, no dia 11 de agosto.