<
>

Romero terá contrato idêntico ao de irmão gêmeo no San Lorenzo; veja quem será o camisa 10 e o 11

play
Corinthians 'esquece' despedida de Romero: 'Culpar o jogador pela saída é mais fácil', analisa comentarista (1:27)

O contrato do paraguaio se encerrou nesse domingo e o clube não se manifestou nas redes (1:27)

Segundo o jornal Clarín, o San Lorenzo, da Argentina, acertou de uma vez só a contratação de dois reforços: os irmãos gêmeos Óscar e Ángel Romero. Eles irão realizar exames médicos nesta quinta-feira antes de serem anunciados oficialmente pelo Ciclón.

Óscar, que é meio-campista, estava no Shanghai Shenhua, da China, enquanto Ángel, que joga como atacante, finalizou recentemente seu contrato com o Corinthians. Eles têm 27 anos.

"Foi uma negociação longa, mas estamos aqui e muito felizes por realizar esse sonho que é chegar ao San Lorenzo. Tomara que a gente consiga devolver toda a confiança que foi colocada na gente", afirmou Óscar.

O Ciclón pagará 4 milhões de euros (R$ 17,63 milhões) por 80% de cada um dos membros da dupla. Eles voltarão a jogar juntos por um clube, como fizeram no início da carreira, no Cerro Porteño, e fazem até hoje na seleção paraguaia.

Segundo o Clarín, as negociações começaram a cerca de 40 dias, quando o San Lorenzo se inteirou que Ángel Romero deixaria o Corinthians após o final de seu contrato.

As conversas foram iniciadas, e de cara foi colocada uma condição: ou o clube de Buenos Aires contratava os dois irmãos, ou ficaria sem nenhum.

A diretoria azul-grená topou, e acertou contratos idênticos com eles: vínculo de três temporadas, com uma cláusula de rescisão de US$ 8 milhões (R$ 31,46 milhões).

Também ficou definido que Óscar usará a camisa 10, enquanto Ángel ficará com a 11.

Vale salientar que a negociação foi toda "em família", já que Fernando Romero, irmão de Óscar e Ángel, é o empresário da dupla de jogadores.