<
>

Copa América define campos de treino das seleções sem CTs de Corinthians e Flamengo e com estádio em Diadema

play
Seleção brasileira não quer mais um coordenador ligado ao Corinthians, informa Flávio Ortega (0:32)

Duílio Monteiro foi cotado para substituir Edu Gaspar, mas CBF perdeu interesse no dirigente (0:32)

O comitê organizador da Copa América definiu nesta quinta-feira os campos de treinos que ficarão a disposição das 12 seleções que disputam o torneio. Cada uma das cinco sedes teve até quatro locais selecionados.

Uma curiosidade é que na capital paulista o centro de treinamento do Corinthians ficou fora da lista. O local recebeu a seleção brasileira nas últimas vezes em que a equipe nacional ficou sediada na cidade e na Copa do Mundo no país foi escolhida pela Fifa e recebeu o Irã.

Os locais definidos para treinos em São Paulo são os CTs de Palmeiras e São Paulo, ambos no bairro da Barra Funda, e a Arena Inamar, casa do Água Santa, que fica na cidade vizinha, em Diadema, com capacidade para 8 mil pessoas.

“Os pareamentos foram estabelecidos considerando como principais critérios a distância e tempo de deslocamento entre os hotéis e campos oficiais para maior conforto e conveniência durante as movimentações das associações nacionais, tanto em dias de treinamento, quanto de competição”, disse Thiago Jannuzzi, gerente geral de competição do comitê organizador local da Conmebol.

Vale lembrar que a cidade de São Paulo terá dois estádios na competição. O Morumbi, que fica na zona sul e próximo de Diadema, receberá três jogos na primeira fase. Já a Arena Corinthians, que fica próxima ao CT do time, receberá outros três.

No Rio de Janeiro, o Ninho do Urubu, que chegou a ser interditado neste ano após o incêndio que provocou a morte de dez jogadores da base, não foi incluído na lista de campos para a treinos.

Na capital carioca, ficarão a disposição os estádios de São Januário e do Engenhão, a Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx) e o centro de treinamento da Barra, que é do Fluminense.

Em Belo Horizonte, foram selecionados a Cidade do Galo, a Toca da Raposa, o estádio Independência e o Sesc Venda Nova.

Em Salvador, os campos escolhidos foram o Barradão, o Pituaçu e os CTs de Vitória e Bahia. Já em Porto Alegre a escolha foi pelos campos de treino de Grêmio e Internacional, além do Beira-Rio e Sesc Protásio Alves.

Veja a relação dos Campos Oficiais de Treinamento:

Rio de Janeiro
- Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx) 
- CT Barra (Fluminense) 
- Estádio São Januário (Vasco da Gama)
- Estádio Nilton Santos (Botafogo)

São Paulo
- Academia de Futebol (SE Palmeiras) 
- CT da Barra Funda (São Paulo FC)
- Arena Inamar (EC Água Santa)

Belo Horizonte
- CT Cidade do Galo (Atlético- MG) 
- CT Toca da Raposa II (Cruzeiro EC)
- Sesc Venda Nova
- Arena Independência

Salvador
- Estádio Barradão (EC Vitória) 
- Estádio do Pituaçu
- CT E.C. Vitória (EC Vitória)
- CT Fazendão (EC Bahia)

Porto Alegre
- CT Presidente Luiz Carvalho (Grêmio FBPA) 
- CT Parque Gigante (SC Internacional)
- Estádio Beira-Rio (SC Internacional) 
- SESC Protásio Alves