<
>

Flamengo: Dorival fala em 'instabilidade' de Gabigol e respeita posição 'soberana' da torcida

play
Dorival Jr. rasga elogios a Gabigol e fala sobre vaias: 'Torcedor sabe que pode confiar' (1:30)

Via: Fla TV | Rubro-Negro venceu o América-MG por 3 a 0 (1:30)

Ídolo do Flamengo, Gabigol foi vaiado após perder pênalti, e Dorival respeitou posição da torcida


O Flamengo venceu o América-MG por 3 a 0 neste sábado, pelo Brasileirão, com gol de Gabigol. Apesar do tento, o atacante foi vaiado pelas chances que perdeu e acabou substituído. Depois da partida, o técnico Dorival Júnior respondeu sobre a situação do jogador.

"A posição da torcida é soberana e tem que ser respeitada sempre, por todos nós”, começou por dizer o treinador.

“O Gabriel é um jogador importantíssimo para o Flamengo. Um jogador que tem dado resposta há anos, jogador no qual a torcida confia. Ele pode até estar passando um momento de instabilidade, mas o Gabriel, eu o conheço desde 2015 mais a fundo, porque estivemos juntos. Já o acompanhava há algum tempo, atuando pelo Santos. Sei da sua capacidade, sua definição. Gabriel é desse tipo de jogador que a bola procura dentro da área”, defendeu Dorival.

O treinador considerou o momento do camisa nove como normal.

“Em alguns instantes, em alguns momentos, talvez ele tenha uma oscilação, o que é normal, natural com qualquer profissional. Do céu ao inferno no futebol tem só um palmo de distância", ponderou o comandante.

play
1:04

Dorival Jr. diz qual seria a 'melhor contratação' do Flamengo e manda recado à diretoria; VEJA

Via: Fla TV | Rubro-Negro venceu o América-MG por 3 a 0

O artilheiro foi substituído aos 23 minutos do segundo tempo, pouco depois de uma sequência na qual perdeu duas chances incríveis com bola rolando e cobrou um pênalti para fora. Ao sair de campo, ouviu vaias, que rapidamente foram cobertas por aplausos da maioria da torcida rubro-negra.

O jogador saiu de campo dando risadas, incomodado com a situação. Isso porque foi ele mesmo quem abriu o placar, com gol aos 40 minutos do primeiro tempo, após assistência de Pedro.

Após o duelo, Gabigol mostrou bom-humor com as vaias.

"Incrível, 1 a 0, gol meu, não erro um pênalti há 30 cobranças e sou vaiado (risos). Eu brinquei com eles ali, eu falei 'agora eu completei o álbum, as 20 torcidas do Brasil me vaiaram' (risos)", disse.

"Briga, mas dorme junto (risos)", declarou o atacante, comparando a um casamento.

A próxima chance de Gabigol reconquistar a parcela insatisfeita da torcida é já nesta quarta-feira, quando o Flamengo visita o Tolima-COL, pelo jogo de ida das oitavas de final da Conmebol Libertadores, às 21h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.