<
>

Dono do Botafogo, Textor é sincero sobre o Nilton Santos: 'Não é um estádio de futebol'

Dono da SAF do Botafogo fez críticas ao Nilton Santos, estádio arrendado ao clube


Construído pelo governo para o Pan-Americano de 2007, o Estádio Nilton Santos está arrendado para o Botafogo, que trata o popular ‘Engenhão’ como sua casa. No entanto, o clube alvinegro não deve seguir lá por muito tempo. Foi o que deu a entender John Textor, dono da SAF, nesta quinta-feira.

"Qualquer estádio com uma pista olímpica ao redor dele não é um estádio de futebol. No Crystal Palace, o estádio é pequeno, mas os torcedores estão uns em cima dos outros. A energia ajuda os jogadores, ajuda a experiência do entretenimento. Isso não dá para atingir no Nilton Santos, o custo seria muito alto", opinou o empresário.

Se o futuro alvinegro não passa pelo Nilton Santos, onde jogará o Botafogo? Textor indicou que gostaria de instalações que abraçassem mais a comunidade, criando um sentimento de uma região em relação ao clube.

"Eu queria ver instalações onde temos estádio, categorias de base, lado social, tudo criando a energia que impulsiona nossa equipe. Isso para mim vai criar uma equipe muito bem-sucedida. Com o Nilton Santos, não dá para fazer isso", decretou.

Depois da chegada do investidor, o Botafogo foi ao mercado e reforçou sua equipe para o Brasileirão. Na janela de transferências do meio do ano, Textor promete ainda mais contratações e falou até sobre James Rodríguez.

Na tabela, a equipe alvinegra tem 18 pontos em 13 partidas e ocupa atualmente a 7ª colocação. O próximo desafio é no domingo, 16h, no ‘Clássico Vovô’ contra o Fluminense.