<
>

Aposentadoria? Ibrahimovic abre o jogo sobre seu ego e pede sinceridade para 'cair na real': 'Até agora, ninguém fez isso'

Em entrevista ao podcast The Gab & Juls Show, da ESPN, Ibra foi sincero e revelou se pensa em encerrar a carreira


Aos 40 anos de idade, Zlatan Ibrahimovic ainda não deixou explícito quando pretende se aposentar do futebol. Desde 2020 no Milan, o atacante sueco não vem atuando com a mesma frequência de outros tempos, mas ainda assim continua sendo decisivo para o clube italiano em alguns momentos. E durante o podcast The Gab & Juls Show, da ESPN, ele falou sobre o tema.

Conhecido por ser um jogador muito confiante de si, às vezes até mesmo aparentando certa arrogância, Ibra deixou claro que o seu ego nunca falará mais alto do que a realidade. E para exemplificar, o sueco revelou que, até o momento, nenhum amigo próximo o fez 'cair na real' sobre ele não conseguir mais jogar, e por isso segue ativo nos gramados.

Ibra também deixou claro que, quando tomar a decisão de pendurar definitivamente as chuteiras, não quer ter qualquer tipo de arrependimento, encerrando a carreira só mesmo quando sentir que não pode mais contribuir em campo.

"Durante minha carreira eu passei por momentos diferentes. Tive momentos em que eu queria parar de jogar. Eu estava no meu auge e pensava que deveria parar no meu auge. Então eu sofri uma contusão grave, então eu entendi como era ficar sem jogar. Isso me trouxe de volta o ânimo para continuar jogando, e desde então eu só penso em continuar jogando. Não quero ter arrependimentos quando eu parar. Quando chegar o momento não quero ter a sensação de que poderia ter jogado mais, quero tirar até a última gota da minha carreira. Quero ter certeza que não tenho mais nada a oferecer", começou por dizer.

"E quando estou no campo eu ainda sinto que consigo fazer coisas como fazia antes. Enquanto não for só sentimento e eu puder executar está tudo bem. Mas o ego não pode ser grande o suficiente para eu pensar que você é o melhor, mas na hora não consegue corresponder. Nesse caso é importante que alguém que te ame de verdade te faça cair na real. Se alguém que me ama perceber que eu não consigo mais jogar, eu peço para que me faça cair na real, mas até agora ninguém fez isso. Ou as pessoas têm medo de mim, ou sabem que eu sou o melhor. Acredito que só existem essas duas opções", complementou.

Ibrahimovic tem contrato com o Milan até o fim de junho deste ano e, por enquanto, ainda não definiu o que fará no futuro. Na atual temporada, o sueco foi titular em 12 dos 25 jogos que disputou aqui aqui, com 8 gols marcados e três assistências.