<
>

Ceará vence o General Caballero-PAR e mantém 100% de aproveitamento na Sul-Americana

Ceará venceu suas três primeiras partidas pela Sul-Americana, lidera o grupo G e segue forte na disputa pela classificação


O Ceará venceu mais uma pela Copa Sul-Americana. Nesta terça-feira, jogando fora de casa contra o General Caballero, do Paraguai, os brasileiros confirmaram o favoritismo e venceram por 2 a 0. Em um jogo no qual foi superior durante a maior parte do tempo, o Vozão marcou seus gols já na segunda etapa. Assim, a equipe segue com 100% de aproveitamento na competição.

Com o resultado, o Ceará mantém a liderança do Grupo G, três pontos à frente do Independiente, da Argentina, vice-líder da chave.

Agora, o Vozão volta seu foco para o Campeonato Brasileiro. Neste sábado, às 16h30 (de Brasília), o time recebe o Red Bull Bragantino pela quarta rodada do torneio.

O jogo

Quem deu a primeira finalização foi o General Caballero, em cobrança de falta de Walter Rodríguez. João Ricardo defendeu e, após isso, o Ceará foi ao ataque e criou as melhores chances da primeira etapa.

Aos nove minutos, Vina recebeu na área e acertou a trave. Na sequência, Richard apareceu dentro da área para finalizar, mas pegou muito embaixo da bola e isolou. Com 17 minutos de jogo, Lima bateu cruzado, mas parou em Juanito Alfonso, goleiro adversário.

O jogo passou a ficar mais equilibrado e o Ceará encontrou dificuldades para chegar com perigo ao ataque. Erick e Geovane chegaram a finalizar, mas não balançaram as redes e, assim, o primeiro tempo terminou com o placar zerado.

Na volta do intervalo, os brasileiros precisaram de apenas quatro minutos para saírem na frente. Geovani recebeu na área, foi derrubado por Lezcano e o árbitro marcou o pênalti. Erick foi para a cobrança e abriu o placar a favor do Ceará.

Aos 23 minutos, foi a vez de Messias ganhar no alto após escanteio e ampliar o placar para o Vozão. O zagueiro teve liberdade no segundo pau e marcou de cabeça.

Os paraguaios foram em busca do resultado, mas o Ceará se manteve superior. Com isso, o fim do jogo esquentou e, aos 34 minutos de jogo, Lucas Ribeiro foi expulso e deixou os visitantes com um jogador a menos. A insistência do time da casa, porém, não deu resultado e os brasileiros confirmaram a vitória.