<
>

Dota 2: Imbróglio com governo sueco deixa The International sem sede

The International, principal torneio de Dota 2 do calendário Divulgação/Valve

The International (TI), torneio mais importante do cenário competitivo do Dota 2, está sem “casa” no momento. Programado para o mês de agosto em Estocolmo, o torneio vem sofrendo derrotas junto ao governo sueco, que colocam em xeque sua realização no país.

Segundo anúncio oficial da Valve, responsável pelo MOBA, a décima edição do TI não foi classificada como um “evento esportivo de elite” por parte do governo sueco. A decisão foi tomada tanto pela Federação Sueca de Esportes (que não selecionou os esportes eletrôncios como uma modalidade tradicional de esporte) e o Ministério do Interior da Suécia.

Por conta da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), as viagens para o país estão sob regras especiais e o fato de não ser um evento de elite impossibilita que jogadores e organizadores consigam o visto de entrada na Suécia.

Sendo assim, os organizadores buscam uma sede alternativa para o The International dentro da Europa, que será divulgada assim que houver uma definição. A última consulta da Valve junto ao governo, feita em 14 de junho, ainda não teve resposta, deixando em aberto a possiblidade do país ainda sediar o TI10.

As etapas qualificatórias seguem o cronograma e serão realizadas normalmente.