<
>

CSGO: Após polêmica com bug, MIBR tem pontos do Regional Major Rankings zerados

A Valve anunciou nesta quarta-feira (9) punições referentes à exploração do bug dos técnicos, polêmica discutida na comunidade de CSGO na última semana. Todos os times cujos treinadores se utilizaram do bug em eventos do Regional Major Rankings tiveram seus pontos zerados pela desenvolvedora — incluindo o MIBR.

Com a punição, o time brasileiro perdeu todos os 2091 pontos conquistados na corrida ao major desde 2019, incluindo o Major de Berlim, o Road to Rio e o CS Summit. Dead foi pego abusando do bug em partidas do Road to Rio e do cs_summit. O time Hard Legion, do Sudeste Asiático, também teve seus pontos zerados.

“Recentemente, ficamos sabendo que alguns coaches profissionais de CS:GO estavam se aproveitando de um bug para ganharem vantagem sobre seus oponentes. É triste e frustrante que não tenhamos nos atentado a esse bug mais cedo. Mas os bugs são a realidade dos softwares, e até que eles sejam resolvidos, nós precisamos confiar nos jogadores e treinadores", afirmou a Valve em comunicado.

“Qualquer time que foi desqualificado por explorar este bug durante um evento RMR terá seus pontos do RMR resetados”, cravou a empresa.

Sobre punições individuais ao técnicos, a Valve afirmou que irá esperar até haver uma “figura completa da dimensão do abuso do bug”, além das punições tomadas por outras partes. “Apesar disso, coaching no meio da partida sempre será uma oportunidade tentadora para que alguns times violem a integridade da aprtida. Então poderemos considerar limitações a treinadores”, diz.