<
>

Resumo: Brasil campeão mundial de Magic, NiP vice no Six Invitational e Isurus com RDP avançando no Flashpoint

Ninjas in Pyjamas bateu na trave no Six Invitational 2020 Divulgação / NiP

Ficou off-line na última semana? Esteve de férias, “dentro de uma caverna” ou não deu conta para ficar por dentro de tudo dos esports? O resumo do ESPN Esports Brasil chegou para te deixar por dentro do que aconteceu entre 10 e 16 de fevereiro pelo Brasil e pelo mundo.

COUNTER-STRIKE

A Fase de Grupos da primeira etapa da Blast Premier, enfim, chegou ao fim nesta semana com os confrontos válidos pelo Grupo C sendo realizados. G2 Esports e OG foram as equipes que tiveram o melhor desempenho da chave e, com isso, garantiram vaga para o mata-mata, no qual já estão FaZe Clan, Natus Vincere, Team Liquid e compLexity.

Já 100 Thieves e Evil Geniuses precisarão disputar a repescagem, o Blast Showdown, para continuarem vivos no torneio. Além dos dois times, também terão uma segunda chance MIBR, Ninjas in Pyjamas, Vitality e Astralis.

Os participantes da seletiva sul-americana para o Major do Rio de Janeiro estão definidos. Team oNe e Red Canids Kalunga ficaram com as últimas vagas após terminarem o segundo pré-classificatório na ponta da tabela. Outro time brasileiro que segue vivo na luta por uma vaga no ESL One Rio é YeaH Gaming, mas nos Estados Unidos.

Outra seletiva que agitou o cenário brasileiro nos últimos dias foi a válida para a primeira temporada do Flashpoint. Redemption é quem representará o Brasil no classificatório global. A equipe terminou a etapa nacional em segundo após vitória sobre Detona. A primeira vaga foi conquistada por Isurus.

Agora um campeonato, o Clutch voltou a ser disputado nesta semana com quatro confrontos de tirar o fôlego. O torneio iniciou com o empate entre Vivo Keyd e Red Canids. Na sequência, Isurus derrotou Alma Gaming, Detona superou Soberano e W7M ganhou de Bravos

Classificação
1. Isurus - 1 vitória
2. Detona - 1 vitória
3. W7M - 1 vitória
4. Red Canids - 1 empate
5. Keyd - 1 empate
6. Bravos - 1 derrota
7. Soberano - 1 derrota
8. Alma - 1 derrota

COD

Londres, na Inglaterra, recebeu os confrontos válidos pela segunda semana da CoD League. Chicago Huntsmen foi quem faturou a etapa londrinda após superar Dalla Empire na decisão por 3 a 0. Paris Legion e London Royal Ravens dividiram a 3ª colocação.

Classificação
1. Chicago Huntsmen - 70 pontos
2. Paris Legion - 40 pontos
3. Dallas Empire - 30 pontos
3. London Royal - 30 pontos
5. Atlanta FaZe - 20 pontos
5. Minnesota RØKKR - 20 pontos
7. NY Subliners - 10 pontos
7. Seattle Surge - 10 pontos
7. Florida Mutineers - 10 pontos
7. Los Angeles Guerrillas - 10 pontos
7. Toronto Ultra - 10 pontos
12. OpTic LA - 0 pontos

DOTA 2

A seletiva para o segundo Major da temporada agitou o cenário nos últimos dias. Nenhuma equipe brasileira conseguiu avançar para o ESL One Los Angeles. As vagas destinadas ao classificatório sul-americana foram conquistadas pelos peruanos do Thunder Predator e beastcoast.

Mas isso não quer dizer que acabaram as chances do Brasil no Major. Ainda há uma, via terceira temporada do StarLadder ImbaTV, que servirá de Minor e para o qual NoPing se classificou.

MAGIC

Capital do Havaí, no Estados Unidos, Honolulu sediou o Mundial de Magic: The Gathering Arena ainda válido por 2019. Título este conquistado por Paulo Vitor Damo da Rosa, brasileiro que defende o Tempo Storm e desbancou outros importantes nomes da modalidade como o campeão mundial passado, o espanhol Javier Dominguez.

OVERWATCH

Neste fim de semana foi vez de Philadelphia Fusion ser o anfitrião da Overwatch League, com quatro confrontos acontecendo no The Met, em Philadelphia, nos Estados Unidos.

Florida Mayhem desbancou Houston Outlaws por 3 a 0. Fusion derrotou Washington Justice por 3 a 1. A equipe da capital se recuperou derrotando o Outlaws por 3 a 0, enquanto os donos da casa superaram Mayhem pelo mesmo placar.

RAINBOW SIX

Após nove dias de intensas disputas o Six Invitational chegou ao fim, mas com um gostinho amargo para os brasileiros. Um dos quatro times que representaram o País na edição deste ano do Mundial da modalidade, Ninjas in Pyjamas chegou até a grande final, da qual saiu derrotada por Spacestation por 3 a 2 de virada.