<
>

Furia Esports é a segunda equipe brasileira no StarLadder Berlin Major 2019

Equipe de Counter-Strike da FURIA Esports no Americas Minor Championship 2019 Divulgação/HLTV

A FURIA Esports é a segunda equipe brasileira a garantir vaga para o StarLadder Berlin Major 2019 de Counter-Strike. Neste domingo (21), a equipe derrotou a INTZ eSports na decisão da repescagem do Americas Minor Championship 2019, disputada em Berlim, Alemanha, por 2 a 1. A outra equipe nacional no StarLadder será a MIBR.

O pátio ferroviário de Train serviu como palco para o primeiro embate entre as aspirantes ao Major. Jogando a primeira metade do round como CT, a FURIA tratou de colocar uma bela vantagem e marcar 10 a 05. Quando passou para o lado Terrorista, fez os 6 pontos necessários para fechar o placar em 16 a 5.

O confronto foi então para a instalação nuclear de Nuke – e foi ferrenho. A INTZ levou a primeira metade em 8 a 7 e, quando assumiu o papel de Terrorista, abriu vantagem. A FURIA respondeu e conseguiu aproximar o placar em 14 a 13. Após uma parada técnica e muita provocação entre as equipes, a INTZ fechou o placar em 16 a 14.

A decisão foi para a Mirage, mapa ambientado no Oriente Médio. Com a função de CT, a FURIA tratou de mostrar força e defender os Bombsites com vigor. Quando os papéis se inverteram, o placar era de 11 a 5 a favor para o time de Kaike "KSCERATO" Cerato e Cia. A INTZ venceu o segundo round pistol e esboçou uma reação, mas não resistiu ao adversário. Placar final de 16 a 6 e vitória da FURIA Esports

A outra vaga do Americas Minor Championship 2019 ficou com a NRG Esports, que conquistou a chave dos vencedores do torneio.

O MAJOR É LOGO ALI

O StarLadder Berlin Major 2019 é o próximo grande evento de Counter-Strike. O torneio terá 24 equipes e uma premiação total de 1 milhão de dólares. O Major será disputado na capital alemã entre 23 de agosto e 09 de setembro.

A INTZ eSports, que perdeu a vaga no Americas Minor Championship, terá uma nova chance de chegar ao StarLadder Berlim em uma repescagem geral, chamada Play-in. Trata-se de um minitorneio que contará com a participação dos terceiros colocados de todos os Minors e que oferecerá nada menos que três vagas.