<
>

Counter-Strike | FalleN comenta título da FURIA: 'Quem sabe terão muitos outros por vir'

play
CS | Raules analisa mudanças e momento atual da FURIA (5:37)

O comentarista ainda rasga elogios ao MIBR e fala sobre os acertos da organização (5:37)

Quatro anos após seu último título internacional presencial de Counter-Strike, a FURIA finalmente levantou um troféu neste último domingo (3). Em uma caminhada vitoriosa no Elisa Master Espoo 2023, os brasileiros se vingaram da Apeks na grande-final e levantaram seu primeiro título desde a chegada de Marcelo “chelo” e Gabriel “FalleN”. Este último, inclusive, comentou sobre a conquista pós-jogo.

Assim como sua equipe, FalleN também passou por um longo jejum de títulos internacionais: foram quase seis anos sem levantar um troféu até retornar ao pódio de um campeonato, com o título junto da FURIA. Depois de agradecer o suporte da torcida, o capitão do quinteto comentou sobre a vitória tão necessária para a equipe depois dos últimos meses.

“Todos sabem que eu já ganhei vários campeonatos, mas para eu ganhar o primeiro troféu de todos demorou mais de 13 anos. Dessa vez, demorou só seis, então por mim tá tudo bem”, comentou o jogador em meio a risadas. “É complicado, todos estão jogando melhor e melhor todo dia. Tento usar o Counter-Strike para viver situações diferentes, melhorar como pessoa e a gente acaba sacrificando muita coisa para estar aqui e jogar bem, muitas vezes as coisas não acabam bem, mas não significa que não estamos dando o nosso máximo”.

A chegada de FalleN e chelo na equipe da FURIA encheu o coletivo de expectativa por parte da comunidade brasileira - e até mesmo internacional. No entanto, os últimos meses não tem sido bons para o elenco brasileiro, que não conseguiu grandes atuações nos campeonatos que participou.

Em seu primeiro título com o novo time, FalleN não poupou palavras para elogiar o elenco: “Hoje as coisas vieram para o nosso lado. Estou muito feliz de poder vencer com eles, depois da minha geração ganhar vários campeonatos, eles eram os melhores jogadores do Brasil por muito tempo. Tô muito orgulhoso de ajudar eles levantarem mais um troféu e, quem sabe, terão muitos outros por vir”.

Com o título, a FURIA já começa a se preparar para o BetBoom Dacha. No campeonato em Dubai, os Panteras estreiam contra a Spirit nesta quarta-feira (6) a partir das 9h25 (de Brasília).