<
>

David Luiz 'chegou chegando' ao Benfica: passaporte perdido, jatinho de Ivete e mentira a presidente

Cotado para uma possível volta ao Benfica, David Luiz falou sobre a sua chegada ao clube português em 2007. Em entrevista ao jornal Record, o zagueiro relembrou como se deram os instantes decisivos até assinar contrato com o time de Lisboa.

A ida do defensor até o Benfica contou com uma saga que teve passoporte perdido, jatinho da cantora Ivete Sangalo e até mentira para o presidente Luís Filipe Vieira.

"Ele (Júlio Tara, ex-empresário do jogador) me liga e pergunta se eu estava com meu passaporte na Bahia (o zagueiro atuava pelo Vitória). Falei 'deve estar aqui'. Quando ele chegou de São Paulo, eu não achava meu passoporte. Liguei para os meus pais, que moravam em São Paulo, e encontraram", contou.

"Não tinha mais voo da Bahia para São Paulo e aí conseguimos o jatinho. O único disponível era o da Ivete Sangalo (...) Quando chegamos, nos entregaram o passaporte, mas o voo que íamos pegar para a Europa já tinha saído. Perdemos os voo. Todo mundo ficou louco."

Parecia que a chance do sonho português havia escapado, mas David Luiz conseguiu outra oportunidade ao falar com Vieira e garantir que estava pronto para jogar. Por conta do prazo apertado para o fechamento da janela de transferências, ele assinaria o contrato antes mesmo de realizar os exames médicos.

"(...) Viajei no dia 30 de janeiro, no dia 31 assinei o contrato. No dia 1º de fevereiro fiz o exame médico e não passei. Os médicos disseram: 'Como vamos falar isso para o presidente?' Resolveram não contar, mas disseram que eu teria que chegar ao treino três horas (para tratar a lesão) e ficar três horas depois", continuou.

"Fui tratando. Nos treinos o Fernando Santos (técnico) ficava louco comigo porque eu não conseguia acompanhar, chorava de dor, mas escondia de todo mundo e foi indo (...) O presidente só ficou sabendo de tudo isso depois", finalizou.

David Luiz atuou no Benfica de 2007 até 2011, quando se transferiu para o Chelsea. Ele foi campeão português na temporada 2009-10 e também duas vezes da Taça da Liga.