<
>

Cristiano Ronaldo acaba com jogo, Juventus vira e elimina Atlético de Madrid na Champions

play
Cristiano Ronaldo destrói Atlético de Madrid e classifica a Juventus na Champions League (1:15)

Veja, em fotos, com o time italiano venceu o clube espanhol por 3 a 0 e se classificou para as quartas de final. (1:15)

Cristiano Ronaldo e mata-mata da Uefa Champions League. Eles se pertencem e garantem o mais alto nível de futebol, ainda que as probabilidades joguem contra.

Depois de o Atlético de Madrid ter vencido o jogo de ida das oitavas de final por 2 a 0, as chances de os espanhóis passarem pela Juventus era de 88%. Mas 12% era o suficiente para o português.

Com um hat-trick do camisa 7, a equipe italiana venceu por 3 a 0 no Allianz Stadium nesta terça-feira, confirmando a classificação às quartas de final. Os confrontos serão definidos em sorteio na sexta-feira.

E olha que o histórico jogava contra. Nas últimas nove partidas pelo torneio, o maior artilheiro da história da Champions havia marcado apenas uma vez.

Veja estatísticas e todos os detalhes de Juventus 3 x 0 Atlético de Madrid

Do outro lado, os colchoneros vinham, desde novembro de 2011, de uma sequência de dez jogos sem perder para italianos, com oito vitórias e dois empates.

De quebra, a Juve supera o seu ‘pesadelo’ espanhol, uma vez que tinha perdido a final da Champions em 2016-17 para o Real Madrid, mesmo adversário que o derrubou nas quartas de final em 2017-18.

Com a bola rolando, Juventus se lançou ao ataque, fez o primeiro tempo em seu campo ofensivo e dominou o adversário, que só levou perigo em um cabeceio de Morata na parte final. Chiellini chegou a balançar a rede com poucos minutos, mas o lance foi anulado por falta de Cristiano Ronaldo em Oblak, antes de o zagueiro mandar para o fundo do alvo.

A atuação dos mandantes foi refletida no placar aos 27min, quando Bernardeschi – que fez um grande primeiro tempo – levantou na medida para Cristiano Ronaldo cabecear para o fundo do alvo.

Na volta do intervalo, a embalada Juve ampliou aos 4min. João Cancelo cruzou da direita, e Cristiano Ronaldo cabeceou. Oblak até fez uma defesa absurda, mas a bola já havia cruzado a linha, algo que só ficou claro pela tecnologia.

O duelo até ficou mais aberto, mas os mandantes seguiam melhores. Kean quase fez o terceiro ao invadir a área com liberdade, porém, mandou à esquerda do alvo. Pouco depois, o gol sairia. Bernardeschi foi derrubado na área por Correa, e o árbitro marcou pênalti polêmico. Aos 41min, o português converteu a cobrança e selou a classificação, chegando a incríveis 124 gols na Champions.

Agora, as duas equipes voltarão suas atenções para suas respectivas ligas nacionais. A Juventus visitará o Genoa no estádio Luigi Ferraris, às 8h30 (de Brasília) de domingo. Um dia antes, o Atlético de Madrid irá ao San Mamés Barria encarar o Athletic Bilbao, às 14h30.